Luso.eu | Jornal Notícias das Comunidades Portuguesas - COMEÇA O ENCONTRO ANUAL DO FÓRUM ECONÓMICO MUNDIAL EM DAVOS COM DESAFIOS E INCERTEZAS A DOMINAR O EVENTO
sexta-feira, 01 março 2024

CANDIDATOS DO PS NA FEIRA…

Fev. 29, 2024 Hits:163 Opinião

Não cedamos à facilidad…

Fev. 29, 2024 Hits:309 Opinião

Quero ser uma árvore

Fev. 24, 2024 Hits:657 Crónicas

Morre Navalny mas não a …

Fev. 24, 2024 Hits:201 Opinião

COMPETÊNCIA CÍVICA

Fev. 15, 2024 Hits:376 Crónicas

UNIVERSITAS

Fev. 14, 2024 Hits:290 Crónicas

CIDADÃO DECISOR

Fev. 10, 2024 Hits:253 Crónicas

Desconsideração políti…

Fev. 09, 2024 Hits:636 Opinião

Haja diferenças!

Fev. 07, 2024 Hits:319 Opinião

O Homem: um ser limitado

Fev. 06, 2024 Hits:297 Crónicas

O BANCO NOVO

Fev. 06, 2024 Hits:430 Crónicas

Entre a Esperança e a In…

Fev. 04, 2024 Hits:245 Opinião

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Fev. 04, 2024 Hits:364 Crónicas

COMEÇA O ENCONTRO ANUAL DO FÓRUM ECONÓMICO MUNDIAL EM DAVOS COM DESAFIOS E INCERTEZAS A DOMINAR O EVENTO





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor!


Neste ambiente ensombrado, os líderes globais, figuras importantes na política e economia mundial, reúnem-se em Davos para discutir e encontrar soluções para as principais questões globais. A incerteza geopolítica e económica, as guerras na Ucrânia e no Médio Oriente, assim como o papel da inteligência artificial na desinformação global são apenas alguns dos desafios trazidos à tona no encontro anual do Fórum Económico Mundial.

3 minutos de leitura

15 de Janeiro de 2024 por João Pires

Reconstruir a confiança

Com o tema «Reconstruir a confiança», os participantes procuram atenuar a incerteza que tem assolado o mundo, através da proposta e discussão de soluções. Com a expectativa de um ano «precário» para a economia mundial, os debates e as palestras durante o evento são cruciais para enfrentar essas incertezas. Além disso, a China desperta uma grande expectativa com as suas propostas para a revitalização da economia num período prolongado de baixo crescimento. Ao mesmo tempo, os riscos de longo prazo, como a desinformação por inteligência artificial e o clima extremo, e os problemas ambientais, colocam em evidência a necessidade de acção para evitar consequências irreversíveis. Assim, o Fórum Económico Mundial em Davos inicia com um foco em temas preocupantes e desafiantes, procurando soluções para reconstruir a confiança e enfrentar os riscos globais. 

Os temas principais do Fórum

O evento, que reúne 2800 participantes na estância alpina, terá como principais temas a fractura do mundo, o papel da inteligência artificial na desinformação global e as guerras na Ucrânia e no Médio Oriente.

Entre os convidados estão figuras importantes como o secretário-geral da ONU, António Guterres, a directora do Fundo Monetário Internacional, Kristalina Georgieva, o secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, a presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde, o primeiro-ministro chinês, Li Qiang, o presidente francês, Emmanuel Macron, e o economista argentino Javier Milei.

Antes da reunião anual, a Ucrânia e a Suíça pediram apoio para um plano de paz em negociações. A expectativa é que esse assunto também seja discutido durante o evento.

Além disso, a expectativa internacional em relação às propostas da China para revitalizar a economia é alta, principalmente a meio de um cenário de baixo crescimento prolongado. O primeiro-ministro Li Qiang juntou-se aos líderes globais em Davos para debater sobre esse assunto. 

A desinformação por inteligência artificial e o clima extremo

Os principais riscos globais de curto prazo identificados pelo Fórum Económico Mundial são a desinformação por inteligência artificial e o clima extremo. Além disso, os problemas ambientais, como a perda de biodiversidade e as alterações críticas nos sistemas da Terra, são classificados como riscos de longo prazo.

Em resumo, o Fórum Económico Mundial em Davos começa com temas preocupantes e desafiantes a serem discutidos, com o objectivo de encontrar soluções para reconstruir a confiança e enfrentar os riscos globais que actualmente o mundo enfrenta.

Nesta segunda-feira (15 de janeiro de 2024), a presidente da Comissão Europeia vai reunir-se com o Presidente francês, Emmanuel Macron, e também vai discursar no Fórum Económico Mundial, em Davos, na Suíça, conforme noticia no Luso. (https://www.luso.eu/actualidade/politica/costa-em-bruxelas-para-reuniao-com-von-der-leyen-na-proxima-quinta-feira.html)

Luso.eu - Jornal das comunidades
Joao Pires
Author: Joao PiresEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos



Luso.eu | Jornal Notícias das Comunidades
Partilhe o nosso conteúdo!

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

A nossa newsletter

Jornal das Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

Temos 367  pessoas que estão a ver esta página no momento, e 0 membros em linha

Top News Embaixada

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

News Fotografia

 
 
0
Partilhas
0
Partilhas