Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
segunda-feira, 24 janeiro 2022

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

Lusodescendente promove cultura portuguesa no Canadá através da fotografia



O luso.eu Jornal das comunidades é gratuito mas quero ajudar!

O fotógrafo lusodescendente Danny Custódio está a organizar uma exposição para explicar o “contributo dos portugueses no Canadá” e dar a conhecer as suas raízes.

“O objetivo final de todo este trabalho, é de apresentar uma exposição individual de fotografias, para que as outras comunidades percebam o que é a cultura portuguesa”, disse à agência Lusa Danny Custódio, de 39 anos.

Filho de emigrantes de S. Miguel (Açores), o lusodescendente explicou que este projeto “surgiu na paixão pelas suas raízes” para ensinar os canadianos “o contributo dos portugueses no Canadá” e também para “explicar as tradições provenientes dos Açores e doutras regiões de Portugal”.

No entanto, durante uma grande parte da adolescência do fotógrafo e artista visual, a cultura portuguesa “passou quase ao lado”, só mesmo quando frequentava os últimos anos no Colégio de Arte e Design do Ontário é que começou a investigar um pouco as suas origens através de fotos antigas do seu pai.

“Quando éramos novos, não nos queríamos identificar com a cultura portuguesa, com o folclore, as festas. Mas depois decidi encontrar uma forma de trazer a cultura portuguesa para a fotografia”, frisou.

Implementando práticas tradicionais portuguesas no seu trabalho artístico, Danny Custódio começou a investigar os tradicionais azulejos portugueses e tapetes com flores, utilizando a fotografia para captar a essência da cultura portuguesa através das suas lentes.

Dessa forma, o fotógrafo, que reside em St. Catharines, no sul do Ontário, justificou que foi possível ligar as raízes culturais à arte contemporânea canadiana, adaptando os materiais encontrados na sua área de residência, como a flora. 

Inspirado pelo pai, um operário da construção civil durante 44 anos, que sempre fotografou os momentos importantes da família, desde a chegada ao Canadá, na década de 1970, sempre foi influenciado “a estudar e a seguir os seus sonhos”.

Foi em 2004, durante uma viagem aos Açores para conhecer os costumes e tradições locais, que ficou inspirado a documentar a arte e cultura portuguesa.

“Muitas pessoas desconhecem a cultura portuguesa. Queria fazer como uma janela para ver o que está lá dentro, de cultura portuguesa, nós, filhos de emigrantes, como nos estamos a ligar às nossas raízes”, acrescentou.

Agora, o fotógrafo lusodescendente diz sentir-se “enraizado à cultura portuguesa”, esperando “passar o que aprendeu nesta viagem fotográfica aos seus filhos”.

O trabalho de Danny Custódio está documentado na sua página da internet em dannycustodio.com. 





Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 267 visitantes e 0 membros em linha

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

News Fotografia