quarta-feira, 08 fevereiro 2023

A lama dos dias

Fev. 02, 2023 Hits:280 Crónicas

DIGNIFICAR A AUTORIDADE

Fev. 01, 2023 Hits:130 Crónicas

Homoousios

Jan. 31, 2023 Hits:161 Crónicas

O Escorpião Marcelo

Jan. 31, 2023 Hits:108 Opinião

Insuspeito assassino

Jan. 27, 2023 Hits:207 Crónicas

Isto não é um país É …

Jan. 20, 2023 Hits:489 Opinião

A Importância da Educaç…

Jan. 19, 2023 Hits:1882 Crónicas

Epistocracia - O óptimo …

Jan. 15, 2023 Hits:1023 Opinião

No Palácio do Raio

Jan. 15, 2023 Hits:440 Apontamentos

SOLTAM-SE AS CANTIGAS – FAZ-SE A FESTA





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


Música ao vivo anima Centros Dia - Verdadeira Musicoterapia - SolMinho mais que um grupo é acima de tudo uma Escola, ponto de encontro com a tradição. Onde se pode aprender a tocar vários instrumentos, com destaque para o cavaquinho, a concertina e a viola. Num fantástico hino à música popular e tradicional portuguesa. Com destaque para a Bélgica; em Bruxelas, Liège e Antuérpia. Em meio urbano e de múltiplas facetas socioculturais. 

O grande objectivo desta Escola é formar novos talentos, de todas as idades e origens. De facto, todos possuímos um extraordinário potencial para desenvolver novos conhecimentos, também no âmbito da aprendizagem de alguns instrumentos musicais, base de uma Rusga popular, conexos com o tradicional e popular. Tantas vezes, falta apenas o pequeno incentivo e o apoio necessários para fazer desabrochar o talento e a magia; como é gratificante estar nestas lides, na transmissão desinteressada desse conhecimento e promoção mútua; os resultados têm sido excelentes e muito promissores! 

Pretendemos assim transmitir e apoiar a riqueza do folclore e das tradições, dos usos e dos costumes, aos mais jovens. Queremos acentuar o valor da etnografia como factor de integração e de tolerância, que nos faz recordar o passado, para projectar e viver o futuro! Defendemos os valores vinculados à descendência, a todo esse legado daqueles que nos precederam. É nosso apanágio divulgar, aquilo que somos e temos de mais genuíno e castiço, de aprender a viver em grupo e empregar saudavelmente os tempos livres; este é um exigente, mas apaixonante trabalho que promove, que valoriza e que dignifica. 

Temos também, a grata missão de levar, de anunciar e difundir este saber: no contacto direto com o povo, como modo de exercer a etnografia, de exultar e de louvar o dom desta paixão pela tradição popular. Adoptamos um conceito e forma de actuar pouco usual, mas muito compensadora, que passa pela participação do público na tocata; depressa se forma uma Rusga popular! Para isso emprestamos os instrumentos disponíveis: bombo, ferrinhos, pandeireta, castanholas, concertina, cavaquinho, viola; juntam-se as vozes, soltam-se as cantigas e faz-se a festa! Toda esta energia, que provém da partilha de talentos e da capacidade de improvisar, assegura-nos um estimulo e confiança, que depressa se torna num grande orgulho e sentido de pertença!  

É isso mesmo que acontece quando vamos actuar junto da Comunidade Sénior, com as melodias de outrora, mas sempre vivas na memória de cada um. Uma iniciativa cheia de sentido lúdico, verdadeira musicoterapia, que ajuda a silenciar e a combater outros males prováveis, próprios do estado de cada um. Depois do Centro de Dia, na freguesia Lavradas seguiram-se outros núcleos de apoio à terceira idade, tais como Paderne, em Melgaço; Fornelos, em Ponte de Lima; Entre Ambos-os-Rios, em Ponte da Barca. Mais recentemente foi a vez do Condes da Folgosa e Cuide de Vila Verde, Ponte da Barca. Estas são, de facto experiências que vale a pena realçar, também pela sua dinâmica de envolver e de valorizar todos os utentes, os melhores artistas de uma tarde diferente, alegre estimulante, feliz! E ninguém consegue esconder, tanta alegria, espontânea, a invadir o coração de cada um. Bons momentos, de todo marcantes e que por isso queremos continuar a promover! Por eles, com certeza, mas também por nós. 

A tudo isto, acresce a forma simpática como temos sido recebidos; aqui fica o agradecimento renovado e público, na certeza de ter sido úteis e felizes, junto de quem merece todo o nosso apoio e carinho. Uma presença desejada e gratuita partilhando do melhor que temos; forma superior de soltar a alma com ecos de alegria e de gratidão para todos. 

Recomeçamos as aulas e os momentos de animação. Brevemente em Herenthout e Antuérpia. Outros contactos se formalizam, com o objectivo de proporcionar bons momentos musicais, culturais, gastronómicos.

Pela múscia tradicional, pela tradição, pela nossa identidade!



https://youtu.be/5c4m0Q1DLpo

https://youtu.be/IInUcD_Lwd8

Luso.eu - Jornal das comunidades
António Fernandes
Author: António FernandesEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicione o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

Temos 769  pessoas que estão a ver esta página no momento, e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

News Fotografia