Referência nacional, e até no estrangeiro

ID:N°/ Artigo: 4070
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

O concelho de Ponte de Lima é uma referência nacional, e até no estrangeiro, pelos seus afamados vinhos e enchidos tradicionais, realçou o Chef António Loureiro, a mais recente Estrela Michelin, proprietário do restaurante – A Cozinha – no centro histórico de Guimarães.

O famoso “ artista “ na culinária participou no passado Sábado em Ponte de Lima na  apresentação de dois dos melhores vinhos produzidos nesse  concelho e um Top proveniente das margens do Douro.

Na garrafeira Blue Wine, situada na Rua General Norton de Matos, junto da Santa Casa da Misericórdia, o Chef António Loureiro e duas dezenas de convidados, entre produtores, empresários da restauração, gastrónomos e amigos, provaram esses rótulos especiais ….

No grupo, salientavam-se o ex- eurodeputado da Segurança Alimentar e Saúde Pública, Inácio Faria, do Movimento Partido da Terra; a jornalista Odete Mendes, da Rádio Alfa em Paris; Carlos Silva, dirigente da Associação de Amizade França – Portugal, em Drancy, arredores da capital francesa; António Sousa, Presidente da Assembleia de Freguesia de Ponte de Lima e Arca; Chef Vítor Lima, fabricante do Folar Limiano, com sede junto da variante da Baldrufa; Cassilda Quesado, sobrinha do saudoso Prior António Quezado, de Vila Franca do Lima, cozinheiro eventual para o Arcebispado de Braga e Patriarcado, proprietária do Restaurante Solar do Taberneiro na vila, e os colegas estabelecidos na Correlhã: Fátima Amorim e Sonho do Capitão; Cozinha Velha, em Arcozelo; Casa de S. Sebastião, em S. Pedro de Arcos, restaurantes que têm divulgado do Arroz de Sarrabulho em Portugal, Espanha, Bélgica, França e Luxemburgo, e pode acompanhar com os vinhos participantes no evento.

Após o reconhecimento da qualidade vinícola autenticado pelo Chef Michelin, procedeu-se á prova dos dois Loureiros medalhados com ouro e prata em concurso dos Vinhos Verdes em 2017: o da Casa da Cuca, na freguesia de Moreira de Lima, com exportação para Espanha, França e Luxemburgo, e o Vila Antiga, normal e Escolha, produção da família Pereira Lima na Correlhã ; o momento mais aguardado estava para o produto da Aromas4U, uma Reserva Tinto 2016 do Douro, envelhecido durante nove meses em barricas de carvalho, produzido por empresários limianos, de Arcozelo, galardoado com uma das 135 medalhas de ouro atribuídas ao quarto prémio na categoria de países participantes em Maio último no Concurso Mundial de Vinhos de Bruxelas, entre 13.000 analisados por 350 provadores, duma selecção de mil nacionais, realizado na cidade suíça de Aigle (Genebra), recorde-se. Os vinhos dos jovens produtores sediados no pólo da Gemieira têm clientes na Espanha, França, Holanda, Alemanha, Suíça, Reino Unido e Canadá.

Para além do néctar das videiras, o Chef António Loureiro teceu elogios ao Folar Limiano, uma Bola de carnes com massa brioche molhada com vinho Loureiro (e alguns segredos), e os enchidos da empresa MinhoFumeiro da Correlhâ, galardoados com medalhas de ouro e prata em vários certamens do sector: presunto, lombo do cachaço e alheira de galo.

A fechar, um doce local, cuja receita veio “embrulhada” certo dia, há mais de cem anos, da sede em Margaride, Felgueiras: o Pão de Ló da Confeitaria Havaneza, na Praça de Camões, depois de inicialmente o mesmo patrão, o ter experimentado no ano de 1906, na Vilar, traseiras da Igreja Matriz.


RECOMENDADOS PARA SI

Eventos este Mês

Últimos Tweets

Sabores do Caldo do Pote estão de volta https://t.co/8BJXAF0jg9
From Vimeo
Comecei a seguir Izicast no #Vimeo: https://t.co/xtTYmweKMT
Óbito/Roberto Leal: Fãs emocionados em velório viam cantor como símbolo da família https://t.co/xonF04GbxQ
Follow Jornal das Comunidades on Twitter