segunda-feira, 26 setembro 2022

OS TEMPOS DAS CIDADES

Set. 19, 2022 Hits:98 Crónicas

Quem vai pagar impostos?

Set. 19, 2022 Hits:87 Opinião

Os robots não devem paga…

Set. 18, 2022 Hits:117 Opinião

Paternalismo

Set. 14, 2022 Hits:82 Crónicas

A BICICLETA DOS ANJOS

Set. 12, 2022 Hits:65 Crónicas

UM CIMBALINO SE FAZ FAVOR

Set. 10, 2022 Hits:336 Crónicas

O aroma do café no ar

Set. 05, 2022 Hits:79 Crónicas

Rota dos Registos Civis

Set. 04, 2022 Hits:219 Opinião

Espanto e Vergonha

Ago. 28, 2022 Hits:129 Opinião

COSTA BEM PODE AGRADECER ÀS AGÊNCIAS DE SONDAGENS!





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


Considero que as agências de sondagens deviam ser proibidas de publicar sondagens 15 dias antes do dia das eleições.
Digo isto, porque as sondagens influenciaram a votação, sobretudo o voto útil.
Sabíamos que o PCP e o BE iam ser penalizados por não terem passado o Orçamento de Estado. Mas, será que a queda destes dois partidos seria assim tão grande se as sondagens não tivessem dado um empate técnico entre António Costa e Rui Rio? Seguramente que não.
E não, porque a possibilidade de a direita portuguesa vir a ganhar as eleições com o fantasma de uma coligação entre o PSD e o Chega, mobilizou o voto útil. Essa coisa que só é verdadeiramente útil para quem o recebe e não para quem o dá como refere e bem o antigo líder do CDS, do alto dos seus 99 anos, Adriano Moreira.
A disparidade dos números das sondagens, já contando com a margem de erro, relativamente aos dois grandes partidos, PS e PSD, foi tal que ficamos a perguntar qual é a base científica que leva a tamanho disparate. E, até pode levar a teorias da conspiração, o que é perigoso para a democracia.
Pela primeira vez, imagine-se, as sondagens acertaram no defunto CDS (nem todas e atendendo à margem de erro). Também não era difícil. Não precisávamos da ciência para chegar a essa conclusão, bastava apenas o bom senso.
Também andaram perto da realidade com o Chega e a Iniciativa Liberal (nas tendências não nos valores). De onde se conclui que o aumento da votação no PSD, ao ponto de  uma sondagem (JN/DN/TSF) ter dado até a vitória a Rui Rio, vinha da esquerda do PS ou mesmo do PS. Mais um absurdo à luz da análise política.
Aliás, nem sondagens nem analistas políticos acertaram em coisa alguma.
Em relação ao PAN e ao Livre as análises até pareciam depender do humor dos analistas, esse critério supra-científico.
A esquerda portuguesa, à esquerda do PS, ficou quase insignificante. A direita portuguesa, à direita do PSD, cresceu exponencialmente e o PSD teve a mais pesada derrota da sua história. Em relação ao PSD, as sondagens nunca andaram perto deste cenário.
Era previsto que o Partido Socialista iria ganhar as eleições.
No entanto, ninguém nem mesmo António Costa acreditava na possibilidade de uma maioria absoluta. É a minha convicção, bastava ver como nos últimos dias antes do domingo eleitoral e face à possibilidade de perder as eleições, começou a abrir as portas a um diálogo com a esquerda geringonça, até então morta e enterrada.
Portanto, está à vista que se não fosse o "susto" pregado pelas agências de sondagens, jamais o Partido Socialista teria tido uma maioria absoluta.
Como tal e percebendo-se, como parece óbvio, que as sondagens influenciaram o voto dos eleitores, as sondagens não deviam ser divulgadas num período próximo ao acto eleitoral.
É nesta medida, que entendo que António Costa, pela maioria absoluta que obteve, bem pode agradecer às agências de sondagens!
Luso.eu - Jornal das comunidades
Damião Cunha Velho
Author: Damião Cunha VelhoEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicione o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

Temos 922 visitantes e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

News Fotografia