Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

GNR identifica suspeito de crime de caça

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

A GNR identificou um homem, de 49 anos, por suspeitas da prática de um crime de caça por meios não autorizados ou indevidamente utilizados, no concelho de Aljustrel, distrito de Beja, foi hoje anunciado.

O homem foi identificado durante uma ação de fiscalização no âmbito da caça, precisa a GNR, referindo que elaborou um auto de notícia pelo crime de caça, apreendeu quatro armadilhas para captura de predadores e remeteu os factos para o Tribunal Judicial de Ourique.

Durante a ação, militares da GNR detetaram quatro armadilhas para captura de predadores, que estavam armadas e instaladas numa zona de caça turística no concelho de Aljustrel e tinham no seu interior aves e carcaças de ovinos que serviam de isco para atrair os predadores.

Perto das armadilhas, os militares encontraram uma gineta europeia e um saca-rabos em avançado estado de decomposição e que tinham sido capturados através daqueles meios de caça não autorizados.


RECOMENDADOS PARA SI

Eventos este Mês

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimos Tweets

Covid-19: Bruxelas autoriza tratamentos com antiviral Remdesivir na UE https://t.co/zyS81MAiag
Covid-19: Alemanha regista mais de nove mil mortes desde início da pandemia https://t.co/sRZob0Aue7
TAP: CDS quer Estado fora da empresa “logo que possível” https://t.co/kMeOVdLV3N
Follow Jornal das Comunidades on Twitter