Governo lança concurso para concessão do forte da Ìnsua

ID:N°/ Artigo: 4054
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

O governo lançou o concurso para a concessão, por um período de 50 anos, do Forte da Ínsua, em Caminha.

O imóvel integra o programa Revive que visa dar uma segunda vida a património cultural e histórico devoluto através da concessão a privados para o desenvolvimento de projetos turísticos. Os investidores interessados podem apresentar propostas até ao dia 6 de Novembro, indica o comunicado da secretaria de Estado do Turismo.

Este forte é uma fortificação marítima abaluartada, com planta estrelada irregular, cuja construção inicial remonta a 1392, por ordem do rei D. João I. Possui no seu interior um convento, de origem franciscana, erigido na mesma altura, tendo sido ampliado e restaurado nos séculos seguintes.

O Forte assumiu a forma atual, com cinco baluartes e revelim, durante a remodelação que ocorreu entre 1649 e 1652, que coincidiu com o período da Guerra da Restauração. Desde 1834, ano de extinção das ordens religiosas, que o Forte da Ínsua foi apenas ocupado pelo Exército, tendo o seu último governador sido nomeado em 1909”.

 

 

 


RECOMENDADOS PARA SI

Eventos este Mês

Últimos Tweets

Debate com candidatos ao círculo da Europa •۰ A palavra https://t.co/NNu34A5L5I
Encontro com os Candidatos às Eleiçoes Legislativas 2019 https://t.co/rYsgoU66pR
Incêndios: Proteção Civil declara alerta vermelho em 10 distritos https://t.co/SUo6nwRnfa
Follow Jornal das Comunidades on Twitter