Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

Morreram dois dos cinco feridos num atropelamento em Paredes

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

(Lusa) – Dois dos cinco feridos num atropelamento no concelho de Paredes morreram hoje, adiantou à Lusa fonte da autarquia, indicando que as vítimas mortais são um membro da direção e um sócio do Moto Clube de Rebordosa.

“Confirmamos dois mortos”, disse fonte da Câmara de Paredes, no distrito do Porto.

No sábado, cinco pessoas ficaram feridas, duas com gravidade, depois de um veículo ligeiro colher cinco pessoas ao fim da tarde na localidade de Rebordosa, segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) do Porto.

Fonte da autarquia de Paredes revelou hoje à Lusa que o vereador da Proteção Civil disponibilizou uma equipa de psicólogos para acompanhar as famílias das vítimas.

O atropelamento aconteceu quando estava a decorrer um convívio junto ao Moto Clube local, de acordo com fonte dos Bombeiros Voluntários de Rebordosa.

O alerta para o incidente chegou ao CDOS às 16:34, tendo sido mobilizados para o local 29 operacionais e 14 viaturas, incluindo duas VMER (Viaturas Médicas de Emergência Rápida) do INEM, oito viaturas dos Bombeiros de Rebordosa e duas dos bombeiros voluntários do Lordelo.

Segundo informou no sábado o CDOS, os dois feridos graves, depois de estabilizados no local, foram transportados para os hospitais de S. João e de Santo António, no Porto.

Dois dos feridos ligeiros foram transportados para o hospital de Penafiel, enquanto o terceiro foi levado para o hospital de S. João.


RECOMENDADOS PARA SI

Eventos este Mês

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Últimos Tweets

Covid-19: Conselho Científico diz que "epidemia está controlada" em França https://t.co/HbpUhjvV7g
Executivo caminhense aprova contas positivas do ano de 2019 https://t.co/1sW2qOpJNE
PONTE DE LIMA TEM O 14º MELHOR VIOLINISTA MUNDIAL! https://t.co/6QS6c14puD
Follow Jornal das Comunidades on Twitter