Um lote de vinhos da Adega Cooperativa de Ponte de Lima receberam a semana passada, medalhas de ouro e prata em mais uma edição da PRODEXPO (Feira Internacional de Vinhos) a maior exposição do sector na Europa Oriental, realizada em Moscovo, Rússia.

O principal produto da empresa limiana, o Loureiro Colheita Selecionada, voltou a receber medalha de ouro (tal como em 2018) no Concurso de Vinhos e Bebidas Espirituosas, realizado no âmbito daquele evento internacional. Mas desta vez, a Presidente da Direcção, Celeste Patrocínio, trouxe na bagagem mais prémios: outros dois galardões daquele metal precioso foram conquistados pelos vinhos Adamado e o Rosé, e ainda a prata para o Loureiro e Aguardente vínica Velha!

Para participar naquela Feira anual do sector vinícola, Portugal fez-se representar a convite da CAP (Confederação dos Agricultores de Portugal) por 35 empresas, metade das quais cooperativas ou privadas, oriundas principalmente dos concelhos de: Almeirim, Favaios, Pegões, Ponte da Barca, Ponte de Lima, Celorico de Basto, Vila Nova de Gaia e Torres Vedras.

A PRODEXPO nesta sua 26ª edição que decorreu de 11 a 15 de Fevereiro último, ocupou uma área de 100 mil metros quadrados, com 2300 expositores provenientes de 60 países. O número de visitantes ultrapassou os 50 mil, salientando-se o interesse por parte de muitos estrangeiros, proporcionando assim a abertura de novos mercados de exportação para os produtos apresentados.

Recorde-se, que a Adega Cooperativa de Ponte de Lima foi fundada há sessenta anos, produzindo actualmente 9 vinhos, 3 espumantes e 2 aguardentes.

Alguns dos vinhos ora medalhados integram a lista para a degustação enogastronómica que o eurodeputado da Segurança Alimentar, José Inácio Faria, do Movimento Partido da Terra / PPE, vai organizar na Primavera próxima em Bruxelas. O acontecimento, a realizar no Parlamento Europeu, designado de Semana de Portugal / Minho, regista já duas dúzias de produtos aderentes, como vinhos, doces, salgados e enchidos, para além de um menú tradicional dos portugueses.

Tito Morais
Author: Tito Morais
Colaborador Convidado
Pode ler mais sobre este colaborador
Artigos deste Autor:

Pub