Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

PSD: Rio espera que partido "reme" no mesmo sentido e possa ganhar eleições

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

(Lusa) - O presidente social-democrata, Rui Rio, disse hoje esperar que a partir de agora “remem todos no mesmo sentido”, para ver se o PSD recupera e ganha as eleições, e desejou que possa haver paz no partido.

"Neste momento, já é claro que o PS pode perder as próximas eleições, o que ainda não é claro é que o PSD as possa ganhar. Isso é o que nós temos que fazer, é essa a tarefa que temos pela frente. Metade está feita, o PS pode perder, agora nós temos que construir a possibilidade de a ganhar. E espero que a partir de agora remem todos no mesmo sentido para ver se o PSD recupera", afirmou.

À saída do Conselho Nacional do partido, que decorreu num hotel do Porto e aprovou por larga maioria a moção de confiança à sua direção, Rui Rio disse que, com este resultado, sai mais legitimado para prosseguir "o caminho de construir uma alternativa ao governo PS".

"Eu legitimidade para liderar o partido tive sempre porque ganhei as diretas, agora naturalmente face a este tumulto que houve recentemente, este resultado é um resultado importante, porque é um resultado um pouco superior, apesar de tudo, àquele que tive nas diretas. Eu tive cerca de 55% e agora cerca de 60%, portanto, é naturalmente uma ajuda", sublinhou.

"Mas, acima de tudo o que era preciso é que agora houvesse uma paz no partido para que nós pudéssemos fazer o papel que nos compete de construir uma alternativa ao governo do PS", acrescentou.

Pub

Pub


RECOMENDADOS PARA SI

Eventos este Mês

Últimos Tweets

Serra da Estrela confirmada como Geopark Mundial da UNESCO https://t.co/OLxL6LbLdH
Parlamento Europeu aprova Relatório de José Gusmão sobre Orientações para as Políticas de Emprego https://t.co/4tiw2VuSht
Marisa Matias e José Gusmão nomeados para as novas comissões do Parlamento Europeu - ANIT e FISC https://t.co/ahLOobloCO
Follow Jornal das Comunidades on Twitter