Liliana Rodrigues aconselha outros partidos a seguirem o exemplo do PS em relação à paridade

ID:N°/ Texto: 2879

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

“Em 2003, o Parlamento Europeu comprometeu-se a adoptar um programa de acção para a integração da perspectiva de género, inclusive no funcionamento das suas comissões e delegações. 16 anos depois estamos aqui a discutir o mesmo assunto. Continuamos, de facto, sub-representadas”.

Assim começou Liliana Rodrigues a sua intervenção, no âmbito da discussão do relatório sobre a “Integração da perspectiva de género no Parlamento Europeu”, que aconteceu ontem, em Estrasburgo.

Na sua intervenção, a eurodeputada socialista referiu que o Parlamento Europeu é “um caso flagrante da falta de perspectiva de género”, convidando depois para que os partidos, nos diferentes Estados-membros, sigam o exemplo do Partido Socialista português que, “pela segunda vez consecutiva, irá apresentar uma lista totalmente paritária para as eleições europeias”.

A votação final do relatório sobre a “Integração da perspectiva de género no Parlamento Europeu” realizou-se hoje. A proposta foi aprovada em plenário com 492 votos a favor, 126 contra e 81 abstenções.

Pub

Pub


RECOMENDADOS PARA SI

Eventos este Mês

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Últimos Tweets

Mar de Sonhos – a emigração nos vapores transatlânticos https://t.co/XRwkArEQcR
Quando a fraqueza nos torna mais fortes https://t.co/XVjbXlZokJ
FALECEU A FADISTA TERESA TAROUCA https://t.co/yYAgFXhdlv
Follow Jornal das Comunidades on Twitter