Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

Lítio na Serra de Arga depende de avaliação

IDT-N°/ : 5981

Convide os seus amigos

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 


O secretário de Estado Adjunto e da Energia , João Galamba , referiu recentemente não poder “afirmar ainda” se a zona de Arga fará, ou não, parte do concurso, apenas garante que a Rede Natura está excluída do projeto de mineração. Mas, também frisou que a inclusão ou exclusão de Arga, no Alto Minho, no concurso para prospeção e pesquisa de lítio, está dependente da Avaliação Ambiental Estratégica.

Recordar que em Julho de 2019, o Governo decidiu “excecionar” o sítio Rede Natura 2000 Serra d’Arga do conjunto de áreas a integrar no concurso para a prospeção de lítio.

proposta do Governo inclui oito áreas para o concurso internacional a lançar, sendo de Arga, a única identificada e que, “nos estudos preliminares feitos em 2016, foi identificada como zona com elevado potencial de lítio”.

Salientar, ainda, que a classificação da Serra d’Arga como Área de Paisagem Protegida de Interesse Regional deverá estar concluída no início de 2021 para garantir a proteção daquele território.

Até final deste ano estará constituída uma associação de municípios, que juntará os concelhos de Caminha, Viana do Castelo, Ponte de Lima e Vila Nova de Cerveira, e terá como objectivo a obtenção de um parecer, pelo Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), sobre o regulamento da futura Área de Paisagem Protegida.

A Serra d’Arga abrange uma área de 10 mil hectares nos concelhos de Caminha, Vila Nova de Cerveira, Viana do Castelo e Ponte de Lima, dos quais 4.280 hectares se encontram classificados como Sítio de Importância Comunitária.

 

 

 

Isabel Varela
Jornalista / colaboradora
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor.
Textos deste autor:

RECOMENDADOS PARA SI

EU APOIO O Luso.eu

Últimos Tweets

(PCP) Partido Contra o Povo https://t.co/puX05J0gue
Primeira Guerra Mundial: 104 do ataque alemão à Madeira https://t.co/wKU2jLXJgu
Proteção Civil alerta para agravamento das condições meteorológicas https://t.co/yDk9fncvxK
Follow Jornal das Comunidades on Twitter