Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
segunda-feira, 29 novembro 2021

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

Portugal acredita que cimeira UE-EUA pode ser marco na relação transatlântica


(Lusa) – A presidência portuguesa destacou hoje a “importância simbólica” da cimeira entre União Europeia e Estados Unidos agendada para a próxima terça-feira em Bruxelas, que acredita ter “potencial para ser um marco fundamental” na renovação da parceria transatlântica.

Intervindo, em representação do Conselho da UE, num debate no Parlamento Europeu, em Estrasburgo, sobre as próximas cimeiras do G7 (11 a 13 de junho, no Reino Unido) e UE-EUA (15 de junho, em Bruxelas), no quadro das quais o Presidente norte-americano, Joe Biden, realiza a sua primeira viagem à Europa, a secretária de Estado dos Assuntos Europeus disse esperar que seja possível “chegar a acordo com os Estados Unidos sobre uma ambiciosa agenda de cooperação”.

Apontando que “os Estados Unidos e a União Europeia representam 780 milhões de pessoas que partilham valores democráticos” e têm entre si “a maior relação económica do mundo”, Ana Paula Zacarias disse que UE e EUA têm agora “uma oportunidade e uma responsabilidade de ajudar as pessoas a ganhar a vida, mantê-las seguras, lutar contra as alterações climáticas, e defender a democracia e os direitos humanos”.

“Gostaríamos de utilizar esta cimeira para chegar a acordo com os EUA sobre uma ambiciosa agenda de cooperação em quatro áreas-chave: combater a pandemia da covid-19 e impulsionar uma recuperação global sustentável, proteger o nosso planeta e fomentar o crescimento verde, reforçar o comércio, o investimento e a cooperação tecnológica, e construir um mundo mais democrático, pacífico e seguro”, declarou.

A secretária de Estado disse esperar “que os líderes cheguem a acordo sobre resultados muito concretos e ambiciosos em todas estas quatro áreas”.

“Acreditamos que este evento tem o potencial para ser um marco fundamental na renovação e revitalização da nossa parceria”, afirmou, sublinhando que “uma forte parceria transatlântica é vital para garantir e contribuir para a segurança, estabilidade e prosperidade comuns”.

Ana Paula Zacarias fez ainda votos para “que esta cimeira não seja um evento pontual e que sejam retomados, a diferentes níveis, os intercâmbios regulares entre a UE e os Estados Unidos”, agora sob a administração liderada por Joe Biden.

O Presidente dos Estados Unidos, neste seu primeiro 'périplo' europeu desde a eleição para a Casa Branca, também participará, na próxima segunda-feira, 14 de junho, numa cimeira de líderes da NATO, igualmente em Bruxelas.


Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 219 visitantes e 0 membros em linha

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

News Fotografia

Ad Bottom