Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
quarta-feira, 23 junho 2021

Romaria de S. João d' Arga é uma Maravilha da Cultura Popular



Romaria de S. João d' Arga é uma Maravilha da Cultura Popular Oh meu rico São João d’Arga / Casai-me que bem podeis /Já tenho teias de aranha/Naquilo que bem sabeis. Os minhotos quiseram e as gentes do concelho de Caminha e da serra também e aconteceu! 

A romaria de S. João de Arga foi considerada uma das 7 maravilhas da cultura popular. A Romaria de São João d’Arga realiza-se anualmente, desde há vários séculos, no Santuário de São João d’Arga, local onde se encontra a capela com o mesmo nome.

Este ano, excecionalmente e por causa da pandemia, não se realizou. Esta romaria genuína no concelho de Caminha, concretamente na serra de Arga, é conhecida, principalmente, pelas suas danças e cantares e pela beleza típica dos trajes coloridos das suas romeiras.

O Mosteiro de São João D’Arga, no coração da Serra D’Arga é o ponto de encontro e o destino dos grupos – rusgas – que se juntam e partem rumo à festa. Assiste-se à chegada de grupos – as rusgas – oriundos do concelho de Caminha, dos concelhos vizinhos assim como de diversos pontos do país e da Galiza e que outrora percorriam caminhos da serra descalços.

Juntam-se romeiros e peregrinos ao som de concertinas,cantando e dançando, onde não dispensam o merendeiro para prestar homenagem ao patrono de Arga de São João e dando início à caminhada na tarde de 28 de Agosto. 

No trajecto há uma paragem obrigatória junto do penedo dos namorados, onde os solteiros atiram uma pedra ao penedo e se ela lá ficar é sinal de que casará no ano seguinte. 

Chegados ao recinto da romaria, após um longo caminho, é ritual imprescindível dar três voltas à capela, a pé ou de joelhos, conforme a promessa feita, seguida pela entrada na capela para beijar o Santo e deixar duas esmolas, uma ao santo (São João Baptista) e outra ao diabo, uma tradição que muitos romeiros ainda mantém. 

A ladear a capela encontram-se os quartéis construídos para abrigo dos romeiros ou peregrinos que acorriam à festa cansados do bailarico que continua pela noite dentro.

A romaria tem início no dia 28 de manhã com as celebrações religiosas. Às 10h00 entra a banda de música no recinto, seguindo-se a eucaristia e sermão.

 

Luso.eu - Jornal das comunidades
Isabel Varela
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 211 visitantes e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

News Fotografia

Se você viu, o seu cliente também verá!