Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
quinta-feira, 04 março 2021

Covid-19: Restaurantes só podem ter seis pessoas por mesa a partir de quarta-feira



(Lusa) - O número de pessoas em cada grupo em restaurantes vai ficar limitado a seis em todo o território continental, salvo se pertencerem ao mesmo agregado familiar, devido à pandemia de covid-19, anunciou hoje o Governo.

Segundo o comunicado do Conselho de Ministros divulgado após a reunião extraordinária de hoje, a medida entra em vigor na próxima quarta-feira.

Além desta medida, o primeiro-ministro, António Costa, anunciou um conjunto de outras medidas restritivas para 121 concelhos com mais de 240 casos de infeção com o vírus da covid-19 por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

Esses 121 concelhos vão ficar abrangidos, a partir de quarta-feira, pelo dever cívico de recolhimento domiciliário, novos horários nos estabelecimentos e teletrabalho obrigatório, salvo "oposição fundamentada" pelo trabalhador.

Nestes 121 concelhos os restaurantes passam a ter de fechar até as 22:30 e os estabelecimentos comerciais terão de fechar, na generalidade, às 22:00.

Também nestes territórios, ficam proibidas as feiras e os mercados de levante, e os eventos e celebrações ficam limitados a cinco pessoas, exceto nos casos em que os participantes pertencem ao mesmo agregado familiar.

A totalidade do território continental continuará, por mais duas semanas, em situação de calamidade.

 


Adicionar o seu comentário aqui!

TEMOS NO SITE

Temos 172 visitantes e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Não existem eventos no calendário
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

News Fotografia

Pormenor de um mural de Banksy (Dover, Reino Unido)

Se você viu, o seu cliente também verá!