Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
sábado, 04 dezembro 2021

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

Sondagem

Os vacinados devem ter prioridade no acesso aos cuidados de saúde em relação aos não vacinados?
  • Votes: (0%)
  • Votes: (0%)
  • Votes: (0%)
Total Votes:
First Vote:
Last Vote:

Covid-19: Cafés e restaurantes de Beja isentos de taxa de esplanadas este ano



O luso.eu Jornal das comunidades é gratuito mas quero ajudar!

(Lusa) - Cafés e restaurantes do concelho de Beja estão isentos de pagar a taxa municipal relativa a esplanadas este ano, o que permite terem gratuitamente áreas exteriores para compensar as reduções nas lotações interiores devido à covid-19.

A informação foi dada hoje à agência Lusa pelo vice-presidente do município, Luís Miranda (PS), que acrescentou que o objetivo é "mitigar efeitos da pandemia".

Segundo o autarca, a isenção, que já era aplicada aos estabelecimentos de restauração situados no centro histórico da cidade de Beja, foi alargada a todos os cafés e restaurantes do concelho devido à pandemia e durante este ano.

A medida visa contribuir para a redução de despesas dos estabelecimentos de restauração do concelho de Beja, porque, no âmbito das medidas decretadas pelo Governo para combate à propagação do novo coronavírus responsável pela doença covid-19, uns tiveram de fechar e outros continuaram a funcionar, mas com menos clientes, vendas e faturações, e, por isso, "começaram a ter problemas financeiros", explicou.

Agora na fase de desconfinamento, os estabelecimentos de restauração vão reabrir no dia 18 deste mês e os interessados poderão "aproveitar a isenção" para, "nos casos em que for possível", aumentarem ou criarem esplanadas sem terem de pagar a respetiva taxa mensal até ao final deste ano, disse.

Desta forma, frisou o autarca, estabelecimentos de restauração vão poder ter esplanadas "gratuitamente" até final deste ano para "compensar" as reduções nas lotações interiores, já que o Governo autorizou a reabertura de cafés e restaurantes no dia 18 deste mês, mas com lotação de 50% e adotando regras de segurança sanitária e distanciamento social.

Desde a aprovação da isenção e até hoje, o município não recebeu qualquer pedido ou comunicação prévia de aumento ou criação de esplanadas, mas é "natural" que comecem a aparecer, sobretudo a partir do dia 18 deste mês, quando os cafés e restaurantes reabrirem, disse o autarca.

Luís Miranda frisou que as esplanadas terão de respeitar as orientações da Direção-Geral da Saúde (DGS) para assegurar o distanciamento físico recomendado de dois metros entre as pessoas e garantir o cumprimento da legislação em vigor.

Portugal contabiliza 1.144 mortos associados à covid-19 em 27.679 casos confirmados de infeção, segundo o boletim diário da DGS sobre a pandemia divulgado hoje.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 282 mil mortos e infetou mais de 4,1 milhões de pessoas em 195 países e territórios.


Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 298 visitantes e 0 membros em linha

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

News Fotografia