Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
sábado, 23 outubro 2021

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

Suíça coloca Portugal na lista "negra"



O luso.eu Jornal das comunidades é gratuito mas quero ajudar!

O governo suíço, na sequência de no fim de semana passado ter atingido mais de 1000 casos, incluiu Portugal na lista de países de risco relativamente à pandemia de COVID-19. Tal, implicará a partir do dia 28 de Setembro, uma quarentena obrigatória de 10 dias a todos que viajem para à Suíça a partir desse país.

A medida foi anunciada na passada sexta feira die 25 de Setembro pelo próprio governo suíço, que incluiu também nessa mesma lista Bélgica e o Reino Unido. 

A multa aplicada a quem não cumprir a quarentena obrigatória, pode chegar até aos 10'000 francos Suíços, o que equivale a cerca de 9200 Euros. 

Para além de Portugal, Reino Unido e Bélgica, também Islândia, Dinamarca, Hungria, Luxemburgo, Holanda e Eslovénia estão na lista de países de risco. Partes da França (Bretanha) e de Itália (Liguria), a parte norte e sul da Áustria também foram incluídas. Ao mesmo tempo que retirou dessa mesma lista o Kosovo e San Marino. 

Além disso,  acabou mesmo por modificar a sua perspetiva e aconselhamento relativamente a crianças com menos de 12 anos. Apesar de as mesmas poderem ser infetadas com o novo coronavírus, raramente desenvolvem sintomas e com menor frequência transmitem o mesmo. Assim, na presença de sintomas como a febre, é recomendado que a criança fique em casa e, se tiver estado em contacto com alguém que foi testado positivo, a criança terá de ser testada também. Mesmo que a pessoa em contacto tenha teste negativo, a criança deverá ficar em casa, até que os sintomas desapareçam. Apenas 24 horas depois de a febre baixar poderá regressar à escola.   

Crianças menores de 12 anos deverão frequentar a escola ou infantário, mesmo que apresentem sintomas mais leves de resfriado, como dores de garganta, tosse fraca, entre outros. 

Para quem viaja dos países incluídos nesta lista, terá de ter atenção, que não conta apenas chegar antes do dia 28 de Setembro. Na página online do governo suíço, refere que qualquer pessoa que tenha estado num desses países mais de 24 horas, nos últimos 10 dias anteriores à lista ser atualizada, será obrigado a ficar de quarentena. Um teste negativo não serve como forma de evitar esta mesma quarentena. 

Os números oficiais da Suíça referem que na passada sexta-feira, o país contou com mais 372 casos confirmados de infeção pelo novo coronavírus, num total de 12.346 novos testes efetuados nas últimas 24 horas.


Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 370 visitantes e 0 membros em linha

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
30
31

News Fotografia