sexta-feira, 19 agosto 2022

Férias em Portugal

Ago. 19, 2022 Hits:19 Opinião

(ENGIE)nharia jurídica

Ago. 13, 2022 Hits:69 Opinião

O REI DOS CATALISADORES (…

Ago. 09, 2022 Hits:140 Opinião

A IGREJA QUE NÃO ACREDIT…

Ago. 08, 2022 Hits:432 Opinião

Consequências do Dever

Ago. 08, 2022 Hits:161 Crónicas

A Sombra e as Árvores

Ago. 07, 2022 Hits:296 Crónicas

Pai rico, Pai pobre

Ago. 04, 2022 Hits:248 Crónicas

DA LEITURA

Ago. 02, 2022 Hits:105 Crónicas

Enquanto o pau vai e vem

Jul. 31, 2022 Hits:110 Crónicas

Covid-19: Bélgica ultrapassa barreira dos 4.000 mortos





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


(Lusa) – A Bélgica ultrapassou a barreira das 4.000 mortes causadas pela pandemia da covid-19, segundo dados divulgados pela autoridade de saúde federal, em Bruxelas.

Com um aumento de 262 mortes notificadas nas últimas 24 horas, o balanço é agora de 4.157 vítimas mortais desde o início da epidemia na Bélgica, há um mês, número que ultrapassa já o da China (3.341), país onde a doença surgiu.

Até segunda-feira, nos hospitais morreram 2.149 pessoas e em casas de repouso e lares outras 1.919.

Entre 15 de março e 13 de abril, 11.722 pacientes de covid-19 deram entrada no hospital e 6.828 tiveram alta. 

A Bélgica registou, até agora, 31.119 casos de covid-19 confirmados por análise laboratorial, número que ainda não inclui os resultados de 7.500 testes realizados em lares.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já provocou mais de 117 mil mortos e infetou quase 1,9 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Dos casos de infeção, cerca de 402 mil são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

O número total de infetados na China desde o início da pandemia é de 82.249, dos quais 3.341 morreram e, até ao momento, 77.738 pessoas tiveram alta.

O continente europeu, com mais de 962 mil infetados e cerca de 80 mil mortos, é o que regista o maior número de casos, e a Itália é o segundo país do mundo com mais vítimas mortais, contando 20.465 óbitos e mais de 159 mil casos confirmados.

Em Espanha, as autoridades sanitárias apontam 18.056 mortos e mais de 172 mil casos de infeção.

Em Portugal, segundo o balanço feito segunda-feira pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se até agora 535 mortos e 16.934 casos de infeção confirmados.

Luso.eu - Jornal das comunidades
Redacção
Author: RedacçãoEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicione o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

Temos 825 visitantes e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?