Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
domingo, 05 dezembro 2021

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

Sondagem

Os vacinados devem ter prioridade no acesso aos cuidados de saúde em relação aos não vacinados?
  • Votes: (0%)
  • Votes: (0%)
  • Votes: (0%)
Total Votes:
First Vote:
Last Vote:

A polícia teve de atuar ontem à noite: centenas de pessoas reuniram-se para festejar no bairro da praça Flagey



O luso.eu Jornal das comunidades é gratuito mas quero ajudar!

Mais de 1.500 pessoas dançaram durante grande parte da noite de ontem no centro de Ixelles

Na última noite, cerca de 1.500 pessoas reuniram-se na praça Sainte-Croix, ao lado de Flagey, para participar numa grande noitada ao ar livre. Um vídeo postado ontem à noite no Facebook já foi visto dezenas de milhares de vezes. A polícia na zona de Bruxelas-Capital-Ixelles interveio por volta da uma da manhã para dispersar a multidão, mas as pessoas foram passando, sucessivamente, para outro lugar.

"Havia muita gente. Várias centenas de pessoas reunidas. Convidamos as pessoas a irem para outro lado, mas elas queriam ficar depois do fecho dos estabelecimentos (bares, restaurantes, ...), por volta da 1h", disse Ilse Van de keere, porta-voz da zona policial de Bruxelas Capital-Ixelles no site da RTL. "Depois de deixarem um lugar, reuniam-se noutro lugar. Passaram da praça Flagey para a praça Saint-Croix, para a abadia de Ixelles  ou ainda para o Bois de la Cambre. Mais uma  vez, as regras de distanciamento não foram seguidas. Durou boa parte da noite. "

Não houve nenhum auto relativo a quebra de regras de distanciamento social, refere o site de informações.

 

 Amplamente comentada nas redes sociais, esta 'noitada de desbloqueio' chocou muitos moradores: "Lamentável. Muitas pessoas privam-se de ver os seus entes queridos, de beijar os seus netos e de voltar a viver normalmente. Que pensarão os donos dos restaurantes, obrigados a respeitar 1m50 entre cada mesa? Que pensarão os organizadores de festivais ou concertos que tiveram de reembolsar os seus clientes? Que pensarão os donos de bares e discotecas obrigados a permanecer fechados?!", comentou um habitante de Ixelles.


Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 219 visitantes e 0 membros em linha

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

News Fotografia