Colocámos cookies no seu computador para melhorar a sua experiência no website. Ao utilizar o site, está a concordar com o seu uso. Ler mais

Lusoproductions  has placed cookies on your computer to help improve this site. By using this site, you are consenting to its usage. Ler mais

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

O Benfica tem no domingo um teste à sua liderança da I Liga portuguesa de futebol, na visita a um Sporting de Braga em crise, na 22.ª jornada, na qual o FC Porto recebe o lanterna-vermelha Tondela.
Cinco dias depois da vitória sobre o Borussia de Dortmund (1-0), na primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, os encarnados jogam em Braga, naquela que é uma das mais difíceis deslocações que têm até ao final do campeonato.

Com Jonas em dúvida, depois de ter falhado a receção aos alemães, o Benfica, com um ponto de avanço sobre o FC Porto e sem sofrer golos há quatro jogos, visita um terreno onde venceu em três das quatro últimas temporadas.
Apesar de estar na quarta posição, a três pontos do Sporting, que ocupa o lugar de acesso ao ‘play-off’ da Liga dos Campeões, o Sporting de Braga não vence há quatro encontros para o campeonato.

O Benfica até pode entrar para o encontro da ‘Pedreira’ na segunda posição, caso o FC Porto confirme o favoritismo frente ao Tondela, último classificado, na sexta-feira, no primeiro encontro da ronda.
Os dragões estão a atravessar a sua melhor fase da temporada, com cinco vitórias consecutivas no campeonato, sendo que, em casa, apenas cederam um empate, frente ao Benfica, na 10.ª jornada.

Pela frente, o FC Porto, que na quarta-feira recebe a Juventus, na ‘Champions’, terá o Tondela, último classificado, a quatro pontos da zona de manutenção, e que apenas venceu um dos últimos 10 encontros.
Contudo, o histórico do Tondela frente ao FC Porto é muito positivo, uma vez que venceu no Dragão na última temporada (1-0) e na primeira volta de 2016/17 conseguiu um empate a zero.

O Sporting, já a 10 pontos da liderança, reencontra no sábado em Alvalade a primeira equipa que o derrotou esta temporada no campeonato, o Rio Ave, que ocupa um tranquilo nono lugar, mas apenas venceu um dos últimos sete encontros na I Liga.
O Rio Ave tem sido feliz nas deslocações a Alvalade e perdeu apenas uma vez nas últimas quatro temporadas, conseguindo dois empates e uma vitória.
Na pior fase da temporada, o Vitória de Guimarães, quinto posicionado, que não vence há três encontros, visita no domingo o Belenenses, 12.º, que vem de dois empates.
Pub


A 22.ª jornada termina com um dérbi madeirense, entre duas equipas em situações opostas na tabela, com o Marítimo, sexto classificado, a apenas três pontos da zona de qualificação europeia, a receber na segunda-feira o Nacional, 17.º e penúltimo, que não vence há oito rondas.

A três pontos do Marítimo, Desportivo de Chaves (sétimo) e Vitória de Setúbal (oitavo) tentam aproximar-se dos lugares europeus, na receção ao Arouca (10.º), que estreia Manuel Machado no banco, e na visita ao Paços de Ferreira (14.º), respetivamente.

Primeiros colocados a seguir à zona de despromoção, o Moreirense (16.º), que não vence há três encontros, recebe o Estoril-Praia (15.º), que regressou aos triunfos na última jornada, após nove jogos sem vitórias.

Num encontro entre equipas relativamente tranquilas na tabela, o Feirense, 13.º classificado, recebe o Boavista, 11.º.
Pub

Conecte-se

Se deseja inscrever-se na nossa newsletter, Digite seu endereço de e-mail.