NOTA! Luso.eu usa cookies e tecnologias similares. Se você não alterar as configurações do navegador, você concorda com isso.

Saiba mais aqui

Compreendi

Mundial2019 feminino (Gr. 6, qual.) / Bélgica - Portugal

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

 Mundial2019 feminino (Gr. 6, qual.) / Bélgica - Portugal (declarações)

Louvain, Bélgica, 06 abr (Lusa) - Declarações após o empate entre Bélgica e Portugal (1-1), em jogo do grupo 6 da fase de qualificação para o Mundial2019 de futebol feminino, hoje disputado na cidade belga de Louvain.

Francisco Neto (selecionador português): “Acho que é um resultado justo. Na primeira parte estivemos melhor, enquanto na segunda metade do encontro a Bélgica foi superior. Agora temos quatro finais até ao fim da qualificação. Vamos ter que lutar pelas vitórias e no final fazem-se as contas. Sabemos que as coisas não estão fáceis, mas também já não estavam quando aqui chegámos. Só uma equipa com muito caráter é que depois de sofrer um golo aos 90 consegue reagir. Teve o orgulho ferido e acreditou que era possível. As jogadoras estão de parabéns por isso. Vamos lutar por Portugal até ao último segundo.

Quem representa a seleção nacional tem sempre uma motivação muito grande. Não tivemos a justiça do nosso lado nos dois primeiros jogos de qualificação, principalmente no encontro diante de Itália. Isto agora também pesa, estamos sempre um bocadinho ansiosos. Vir a casa da Bélgica e fazer o jogo que fizemos é sinal de competência. Após uma Algarve Cup muito boa, continuamos a dar sinais muito positivos. Claro que queremos juntar isto aos resultados. Infelizmente não conseguimos a vitória”.

Pub

 

Luso Productions
Pode ler mais sobre este colaborador
Artigos deste Autor:

Últimos Tweets

O centro de Bruxelas vestiu-se de Portugal https://t.co/Mj7Q9fISAL
I Love Portugal - Gosto de Portugal https://t.co/gorI82Zu2q
O trumpismo dos jovens lusodescendentes nos Estados Unidos https://t.co/dkBLODMQaM
Follow Luso.be - Bélgica on Twitter