Arte e Beleza

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

A Estética é uma ciência: recente, na sua estruturação quanto ao método e ao objeto; antiquíssima, quanto à sua etimologia. A História da Estética está ligada à História da Filosofia, enquanto que é compreensão hermenêutica da arte e, neste contexto, temos uma Filosofia da Arte, ou seja, uma Estética Filosófica, aquela que, verdadeiramente, interessa a este trabalho.

Etimologicamente, e no seu sentido originário grego, a “aisthesis” é sinónimo de sensação e perceção, no âmbito da cultura helénica. Ao nível da compreensão, verificam-se duas linhas: a dos filósofos e a dos poetas, consistindo, a primeira, numa capacidade de perceber, conhecimento inferior ao da razão, eminentemente epistemológico e inferior à lógica. Nesta estética o respetivo campo estético é inferior ao intelecto.

Quanto à segunda compreensão, a dos poetas, o seu sentido é fornecido pela perceção dos sentidos, o que implica que o seu objeto tenha as mesmas caraterísticas que o objeto da perceção, igual à assunção pelo sujeito, sendo necessário que, do ponto de vista do objeto, este seja dotado das caraterísticas do sujeito, isto é, clareza, proporção, medida. Os poetas revalorizam assim o poder da perceção sensitiva nas pessoas que têm todas as faculdades.

Além dos níveis de compreensão na cultura grega, que são o gnosiológico e o epistemológico, há, ainda, um nível existencial que significa que a Estética, como perceção sensível, é uma experiência racional integradora, completa e englobante, e é esta relação sujeito-objeto que resulta na harmonia estética, que evidencia o sentido do belo, da arte e do prazer estético.

A tarefa da Estética a nível histórico é procurar esclarecer os problemas relacionados com a Arte e a Beleza, ela representa o próprio desenvolvimento do pensamento humano, no entanto, como disciplina filosófica, o positivismo admitia-a como ciência positiva, contudo, haveremos, hoje, 2017, de considerar que o positivismo terá, eventualmente, uma visão redutora da ciência e, portanto, nele não cabem os valores estéticos universais de Arte e da Beleza, por isso, não tem lugar a Estética Filosófica como ciência especulativa, que busca explorar, sobre certos valores, mas que não é uma axiologia, porque não são valores do agir, mas do fazer da Arte e da Beleza, logo a especulação estética não se identifica com a Ética.

A Arte tem por fim exprimir a beleza, e produzir na alma dos espetadores a emoção estética, que o artista sentiu, e por meio desta emoção estética a Arte moraliza e inspira a virtude. Na verdade, a emoção estética desapega a alma de tudo o que é pequeno e mesquinho.
A Arte é um refúgio, onde o homem encontra o repouso para as suas preocupações vitais, nascendo nele o sentimento da adoração e da admiração, desenvolvendo a simpatia, produzindo o respeito, contribuindo para uma melhor educação individual e coletiva, local, nacional, comunitária e universal.

A Arte, destinada por essência a elevar o homem, pode também produzir efeitos nocivos, mas cuja responsabilidade cabe, exclusivamente, ao espetador ou ao artista. A arte-pela-arte será sempre verdadeira, quanto se pretende exprimir um fim próprio, orientada no sentido último do homem que é Deus, sem O qual o homem não pode viver, para O qual o homem procura convergir, precisamente pela Arte, que é cultura, síntese do que há de mais perfeito, numa época, num país, numa sociedade, por isso, país sem arte é país sem cultura, sem perspetivas, sem sentido último supremo.

Pub Google

Diamantino Bártolo
Pode ler mais sobre este colaborador

Entre em contacto : Diamantino Bártolo Perfil: Info

Artigos deste Autor:

The Sol Ar Vinhos de Portugal

Eventos este Mês

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
15
16
17
18
19
20
21

Pub Google

Últimos Tweets

Todos somos Comunidade Portuguesa. https://t.co/sv8zIjo8SI
Seca: Racionamento de água é medida "no fim da linha", ministro do Ambiente https://t.co/c4TK8G3cax
Pantominice https://t.co/v1nwAJCFZg
Follow Luso.be - Bélgica on Twitter