Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

Bruxelas abre investigação à Amazon por alegado uso de dados pessoais de vendedores

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

(Lusa) – A Comissão Europeia abriu hoje uma investigação à gigante norte-americana de comércio eletrónico Amazon para determinar se a companhia usou informações pessoais “confidenciais” de vendedores independentes, quebrando as regras comunitárias na área da concorrência.

A Comissão Europeia abriu uma investigação formal para avaliar se o uso de dados confidenciais pela Amazon de vendedores independentes que vendem na sua plataforma viola as regras de concorrência da UE”, informa o executivo comunitário em comunicado.

Bruxelas suspeita, assim, que ao ter acesso a esta informação, a Amazon tenha sido beneficiada em comparação com outras plataformas de comércio eletrónico.

A Amazon vende, através da sua plataforma, produtos próprios, mas tem espaço para comerciantes independentes venderem diretamente aos consumidores.


RECOMENDADOS PARA SI

Eventos este Mês

Últimos Tweets

De congratulação pelo 40.º aniversário da criação do Conselho das Comunidades Portuguesas https://t.co/OfpOhXTOMb
Número de desempregados inscritos sobe 34,5% em agosto https://t.co/xto2uaAj3K
Caminha quer criação da Área Protegida Regional da Serra d’Arga https://t.co/iR924NDRqR
Follow Jornal das Comunidades on Twitter