(Lusa) – O CaixaBank, dono do BPI, quer fechar mais de 800 balcões nos grandes centros urbanos de Espanha nos próximos três anos, segundo o Plano Estratégico 2019-2021, apresentado hoje em Londres aos analistas e investidores.

O banco espanhol irá assim passar de 5.358 dependências bancárias em 2014 e 4.460 em 2018 para 3.640 em 2021.

A redução da rede comercial será principalmente realizada nos centros urbanos e manter-se-á inalterada nas zonas mais rurais, com uma população inferior a 10.000 pessoas.

O CaixaBank pretende “acelerar a transformação digital”, para ser mais eficiente e flexível, com uma maior utilização das novas tecnologias.

“Queremos consolidar um grupo financeiro líder e inovador, com o melhor serviço ao cliente e ser uma referência na banca socialmente responsável”, disse o presidente executivo do CaixaBank, Gonzalo Gortázar.

O CaixaBank também definiu como uma das suas prioridades alcançar uma rentabilidade superior a 12% até 2021.

Pub