O eurodeputado José Inácio Faria, do Movimento Partido da Terra / PPE, foi o convidado de honra no Sarrabulho à moda de Ponte de Lima, que decorreu ontem, Domingo, em Drancy, município dos arredores de Paris.

Um convívio bianual, já com quase meia dezena de anos de realização, mercê de um grupo de restaurantes afamados no prato típico e gastrónomos que organizam a sua promoção dentro e fóra do país, encheu o Salão de Festas / espaço cultural daquela cidade situada a duas dezenas de quilómetros da capital francesa.

O parlamentar deslocou-se desde Bruxelas, acompanhado de dois dos seus Assistentes: ou secretários: Luis Rhodes Baião e Andreia Aguiar Silva; mas, da Bélgica, também se associou outro grupo, chefiado pelo Presidente da Academia do Bacalhau, Armando Maia.

De Portugal, para confecionar o menú do Alto Minho deslocaram-se a França: o Chef e proprietário da Casa S. Sebastião em S. Pedro de Arcos, Paulo Santos, e Fátima Amorim, dona do restaurante com seu nome, na freguesia da Correlhã; saliente-se ainda, a colaboração em géneros dos vizinhos Minhofumeiro (enchidos e fumados) e restaurante Sonho do Capitão, e, em Drancy, meia dezena de colaboradores, organização de Glória da Silva, conselheira municipal e Presidente da Associação Amigos de Portugal/ Drancy, e grupo folclórico, as Romarias do Minho.

O parlamentar europeu participou no convívio juntamente com o ex-Presidente da Câmara local, o agora deputado á Assembleia Nacional Francesa, Jean Christophe Lagard: nos seus discursos, ambos justificaram a importância das eleições europeias em Maio de 2019, e a divulgação da gastronomia portuguesa no estrangeiro, “ como acontece de forma exemplar em Drancy”. O eurodeputado José Inácio Faria, da comissão parlamentar de Segurança Alimentar, tem sido um defensor desses cardápios ancestrais, como o Sarrabulho de Ponte de Lima e o Pica no Chão, de Vila Verde, e Bacalhau cozinhado de várias maneiras, recorde-se.

Mas, entre elogios ao menú escolhido apara almoço, regado com vinhos enviados de Portugal, juntamente com miudezas ou ingredientes para o sarrabulho tradicional (belouras, tripa de farinha, chouriça de verde e de carne, condimentos e segredos) tudo produzido no mundo rural, também a música esteve presente: Laurence e sua Banda animaram a tarde até ao anoitecer.

A encerrar, a organização anunciou dois próximos eventos: o Magusto (à moda do Minho), no próximo dia 18 de Novembro, e mais uma edição do Sarrabulho de Ponte de Lima, em 28 Abril de 2019 … com muitos comensais a renovarem a sua presença!

Pub

Tito Morais
Author: Tito Morais
Colaborador Convidado
Pode ler mais sobre este colaborador
Artigos deste Autor: