>

NOTA! Luso.eu usa cookies e tecnologias similares. Se você não alterar as configurações do navegador, você concorda com isso.

Saiba mais aqui

Compreendi

Prémio Literário Fernando Namora

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Ana Cristina Silva, vencedora do Prémio Literário Fernando Namora, em 2017, e uma das mais promissoras autoras portuguesas, vem a Bruxelas para falar da sua obra!
Ana Cristina Silva nasceu em Lisboa e é docente universitária no ISPA-IU. Doutorada em Psicologia da Educação, especializou-se na área da aprendizagem da leitura e da escrita.

Definindo-se como uma autora de reflexão mais do que de ação, a sua escrita vai do romance histórico ao romance psicológico, do fascínio pelas personagens históricas à análise dos conflitos que preenchem o mundo interior das personagens.

O seu romance A Noite Não É Eterna (que aborda a realidade social, política e humana das crianças romenas e das suas famílias, no período da ditadura de Nicolae Ceausescu) foi, em 2017, a escolha unânime do júri do Prémio Literário Fernando Namora, presidido por Guilherme d'Oliveira Martins.

Outros romances publicados: Mariana, Todas as Cartas (2002), A Mulher Transparente (2003), Bela (2005), À Meia-luz (2006), As Fogueiras da Inquisição (2008), A Dama Negra da Ilha dos Escravos (2009), Crónica do Rei-Poeta Al-Mu’Tamid (2010), Cartas Vermelhas (2011, selecionado como Livro do Ano pelo jornal Expresso e finalista do Prémio Literário Fernando Namora), O Rei do Monte Brasil (2012, finalista do Prémio SPA/RTP e do Prémio Literário Fernando Namora, e vencedor do prémio Urbano Tavares Rodrigues) e A Segunda Morte de Anna Karénina (2013, finalista do Prémio Literário Fernando Namora).

Pub
 

Sofia Santos
Author: Sofia Santos
Pode ler mais sobre este colaborador

Contactar o autor: Sofia Santos  Perfil: Info

Artigos deste Autor:

Eventos este Mês

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
2
3
4
6
7
8
9
11
12
13
15
16
19
20
21
22

Últimos Tweets

Sérgio Conceição renova até 2020 e diz que a prioridade era manter-se no Dragão https://t.co/MMyyXkwRsV
Contratos de trabalho temporário vão ter limite máximo de seis renovações https://t.co/7uh8Jyxvrh
Virgem Celestial, abençoai-nos https://t.co/WBkcHzWvRk
Follow Luso.be - Bélgica on Twitter