sexta-feira, 02 dezembro 2022

Dá-se com as duas mãos

Nov. 29, 2022 Hits:913 Crónicas

DEPOIS DO EUROMILHÕES

Nov. 27, 2022 Hits:762 Crónicas

PORTUGAL É RONALDO E RON…

Nov. 24, 2022 Hits:285 Opinião

Crónica triste para um d…

Nov. 20, 2022 Hits:161 Opinião

Em Ocasiões Especiais

Nov. 20, 2022 Hits:537 Crónicas

Os sonhos adiados

Nov. 19, 2022 Hits:225 Crónicas

IXELLES – UMA VILA DESO…

Nov. 15, 2022 Hits:278 Opinião

CRIANÇA PRESA NO PENICO

Nov. 13, 2022 Hits:481 Crónicas

Duas tardes em Coja

Nov. 13, 2022 Hits:825 Apontamentos

Esta vida de hipster

Nov. 08, 2022 Hits:151 Crónicas

Ladroagem Eleitoral

Nov. 06, 2022 Hits:358 Opinião

Exames do secundário mantêm-se só para acesso ao Superior e 9.º ano com provas de aferição





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


O Governo decidiu manter as condições excecionais dos exames do secundário, que só contam para acesso ao ensino superior, e anunciou que as provas finais do 9.º ano vão servir este ano apenas para aferição.

As medidas extraordinárias para a avaliação externa do ensino básico e secundário foram decididas hoje em Conselho de Ministros.

Quanto às provas finais do 3.º ciclo, o executivo decidiu mantê-las, depois de dois anos em que foram suspensas devido à pandemia da covid-19, mas não contam para a nota final dos alunos do 9.º, servindo apenas para efeitos de aferição.

“Dos resultados das provas de 9.º ano serão produzidos relatórios de escola desagregados por subdomínios, à semelhança do que acontece com as Provas de Aferição dos 2.º, 5.º e 8.º anos de escolaridade”, explica o Ministério da Educação em comunicado.

As provas de aferição dos mais novos vão também ser retomadas “para que seja possível dispor de indicadores do sistema sobre o desenvolvimento das aprendizagens, permitindo uma monitorização das estratégias de recuperação das aprendizagens, com vista à reconfiguração de medidas de apoio às escolas e aos alunos”.

Já os exames do 11.º e 12.º anos mantêm as condições excecionais aplicadas nos dois últimos anos letivos, ou seja, os alunos podem ir a exame só às disciplinas que quiserem melhorar ou utilizar como prova de ingresso no ensino superior.

Habitualmente, a realização destes exames seria obrigatória e a nota contabilizada na classificação final à respetiva disciplina.

“Consegue-se, assim, um equilíbrio entre os efeitos da avaliação externa e o seu papel fundamental de fonte de informação para os processos de monitorização da qualidade do sistema educativo, para que seja possível o acompanhamento e balanço das aprendizagens”, sublinha a tutela.

O Ministério da Educação justifica as medidas sustentando que a pandemia da covid-19 voltou a impor constrangimentos durante o ano letivo, mas “importa ter informação precisa e sistematizada sobre as consequências no sistema”.

As provas de aferição para o ensino básico estão marcadas para entre os dias 02 de maio e 20 de junho e as provas finais de ciclo para o 9.º ano estão agendadas para os dias 17, 21 e 23 de junho, na primeira fase, e para 20 e 22 de julho a segunda fase.

Os exames nacionais para os alunos do ensino secundário decorrem entre 17 de junho e 06 de julho na primeira fase e entre 21 e 27 de julho na segunda fase.

Luso.eu - Jornal das comunidades
Redacção
Author: RedacçãoEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicione o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

Temos 664  pessoas que estão a ver esta página no momento, e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31