Covid-19: Alemanha ultrapassa 500 vítimas mortais





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


(Lusa) – A Alemanha regista hoje 583 vítimas mortais da covid-19, um aumento de mais de uma centena em relação ao dia anterior, de acordo com dados oficiais do Instituto Robert Koch (RKI).

Segundo a entidade responsável pela prevenção e controlo de doenças, o país contabiliza 61.913 casos diagnosticados, um crescimento de 4.615.

A Baviera, o estado federado que regista o maior número de infetados, 14.810, anunciou esta segunda-feira que vai prolongar o confinamento, inicialmente previsto até 03 de abril, até dia 19.

O ministro do Interior da região já pediu a todos os cidadãos que denunciem às autoridades aqueles que violem as regras, como o respeitar da distância de segurança nos supermercados.

Jena, no estado da Turíngia, tornou-se a primeira cidade alemã a decretar a utilização de máscara obrigatória em público.

A nova regra deve aplicar-se a partir da próxima semana nos transportes públicos, pontos de venda e repartições públicas, informa a página oficial da autarquia.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 750 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 36 mil.

Dos casos de infeção, pelo menos 148.500 são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Estatísticas mundiais do coronavírus (ATUALIZADA)

 

Luso.eu - Jornal das comunidades
Redacção
Author: RedacçãoEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicione o seu comentário aqui!