domingo, 27 novembro 2022

DEPOIS DO EUROMILHÕES

Nov. 27, 2022 Hits:75 Crónicas

PORTUGAL É RONALDO E RON…

Nov. 24, 2022 Hits:258 Opinião

Crónica triste para um d…

Nov. 20, 2022 Hits:136 Opinião

Em Ocasiões Especiais

Nov. 20, 2022 Hits:509 Crónicas

Os sonhos adiados

Nov. 19, 2022 Hits:204 Crónicas

IXELLES – UMA VILA DESO…

Nov. 15, 2022 Hits:219 Opinião

CRIANÇA PRESA NO PENICO

Nov. 13, 2022 Hits:458 Crónicas

Duas tardes em Coja

Nov. 13, 2022 Hits:788 Apontamentos

Esta vida de hipster

Nov. 08, 2022 Hits:125 Crónicas

Ladroagem Eleitoral

Nov. 06, 2022 Hits:333 Opinião

O “Auto Suicídio” de…

Nov. 04, 2022 Hits:336 Opinião

Entretenimento

  1. Entrevista
  2. LusoPodcast
  3. Foto do Mês
  4. Lifestyle

Embaixada de Portugal na Bélgica acolheu homenagem a António Feijó





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


O poeta e diplomata português António Feijó (1859-1917), natural de Ponte de Lima, foi recordado e homenageado na Embaixada de Portugal na Bélgica, na tarde do dia 18 de novembro. A fim de dar corpo a esta iniciativa, deslocaram-se de Ponte de Lima a Dr.ª Cristiana Freitas e o Dr. Tito de Morais, acompanhado de mais alguns elementos do Clube de Gastronomia de Ponte de Lima. Já na Bélgica, contaram com o apoio do Administrador do Conselho Europeu de Investigação, Victor Alves Gomes, e do Embaixador de Portugal, S.E. Rui Manuppella Tereno. 

Nessa tarde, a Embaixada de Portugal na Bélgica recebeu cerca de três dezenas de pessoas, entre as quais é de salientar a presença da sobrinha trineta de António Feijó, advogada a viver em Bruxelas. O Cônsul Honorário de Portugal em Gent, Sr. Bruno JoosdeterBeerst, e a Rainha das Vindimas de Ponte de Lima e Portugal 2022, Luciana Meneses, foram também algumas das caras presentes.

Além da exposição de fotografias e documentos instalada na Embaixada, o Dr. Tito de Morais deu a conhecer importantes detalhes sobre a vida e obra de António Feijó, num envolvente e aprofundado discurso. Começando pela sua vida como poeta, eternizada por exemplo no Hino oficial de Ponte de Lima, passando pela carreira diplomática no Brasil, Suécia, Noruega e Dinamarca, e terminando nas iniciativas em sua homenagem, que partiram de Alberto de Oliveira, e culminaram na transladação dos restos mortais do casal Feijó de Estocolmo para Ponte de Lima, e na inauguração de um monumento na mesma Vila em sua memória, esculpido por Teixeira Lopes. 

Pelas palavras do Dr. Tito de Morais, baseadas em cartas trocadas pelo poeta, foi possível perceber que Feijó teve também um papel de gastrónomo nas suas missões diplomáticas na Escandinávia, caraterizadas pela promoção da sua terra natal através da presença de doces, salgados e vinhos portugueses. Assim, numa tentativa de recriação daquilo que outrora António Feijó fazia enquanto diplomata, este tributo terminou com a degustação de algumas iguarias provenientes de Ponte de Lima, acompanhadas por Vinho Verde Loureiro da região. No final do dia, marcou presença um Bacalhau de Cebolada, confecionado pelos Chefs Paulo Santos e Carlos Torres, no Café Restaurante Portugal em Bruxelas.

Luciana Meneses

Luso.eu - Jornal das comunidades
Redacção
Author: RedacçãoEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicione o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 591  pessoas que estão a ver esta página no momento, e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

News Fotografia