Colocámos cookies no seu computador para melhorar a sua experiência no website. Ao utilizar o site, está a concordar com o seu uso. Ler mais

Lusoproductions  has placed cookies on your computer to help improve this site. By using this site, you are consenting to its usage. Ler mais

Era para ter sido na Embaixada de Portugal, mas devido ao nível de segurança imposto pelo governo Belga, teve que ser anulado! Foi no entanto encontrado novo local, de forma a assegurar a data… No passado dia 25 de Novembro 2015 na sede do “Elvas”, em Ixelles, foi apresentado o livro que assinala os 25 anos da “Padaria Garcia”. Estiveram presentes cerca de quatro dezenas de pessoas, numa manifestação de apreço pela edição do livro, mas também numa atitude altiva de respeito e carinho pelo Rui, que não escondia a sua alegria, em noite tão emotiva. Deu-se início à esperada sessão orientada pela D. Cátia Candeias.

Tomou de imediato a palavra a representante da União de freguesias de Lavre, Ângela Catarino, que veio expressamente participar na efeméride. Realçou a juventude do Rui Garcia e a sua ligação à terra que o viu nascer… Manifestou ainda a sua satisfação por este “filho de Lavre”, ter singrado na vida, apesar das dificuldades. Expressou-se depois o Dr. João Marques, vereador da cultura e turismo da Câmara municipal de Montemor-o-Novo, que também se deslocou para “estar com o Rui, a família e muitos amigos”. Soltaram-se palavras de incentivo e admiração… Que a causa e momento justificavam!

Chegou a vez dos autores do livro se pronunciarem sobre a iniciativa e consequente objectivo. Joaquim Pinto da Silva e Jorge Tavares da Silva, autores da narrativa, sintetizaram o livro, num modo e tom cativante, à mistura com algum bom humor!
Finalmente, o Rui, naquele jeito peculiar, teceu elogioso agradecimento aos autores, aos convidados e comunidade portuguesa em geral, atribuindo o seu sucesso, a todos os que quiseram ser seus clientes! “Sem todos vós, nada disto poderia acontecer”, -referiu.
Seguiu-se a sessão de autógrafos do livro e foi servido um porto de honra.

Numa “noite muito emotiva”, foram colocados em evidência, os atributos de uma grande família, que soube conjugar esforços! Um exemplo e um orgulho para a comunidade portuguesa na Bélgica. E a quem desejo profícuo trabalho, no árduo caminho profissional, rumo às Bodas de Pérola, nos 30 anos de atividade; já faltou mais!

Conecte-se

Se deseja inscrever-se na nossa newsletter, Digite seu endereço de e-mail.