Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

USOU ARMA BRANCA PARA MATAR CUNHADO

IDT-N°/ : 5198
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Eram cunhados e amigos. Viviam na mesma casa. Ambos naturais de Cerva, no Concelho de Ribeira de Pena. Tudo parecia estar conforme, até ao dia fatídico de uma discussão, de um insulto e de um lancinante golpe, que viria a tirar a vida ao Cândido da Silva Carreira, de 61 anos,  o mesmo que alojava o seu assassino; usando de arma branca desferiu-lhe os golpes fatais! Transportado de urgência para o hospital, o português que vivia na Bélgica há longos anos viria a sucumbir aos graves ferimentos de que foi vítima.

Há dias assim, dramáticos. Há horas do diabo, como se costuma dizer. Assim, o dia 23 de Abril, ainda antes do meio-dia ficou ensombrado, face a uma contenda inútil, mas de teor trágico. A polícia local tomou conta da ocorrência e depressa realizou a captura do suspeito. Que aguarda instruções judiciais.

Após os procedimentos legais e de conformidade, o malogrado Cândido foi a sepultar, esta segunda feira, 4 de Maio, no cemitério de Scharbeek, em Bruxelas.

LusoProduções, que já tinha dado a notícia deste drama no seio da Comunidade portuguesa, reitera e apresenta as suas condolências à família. Descanse em paz.

Português morre após ser esfaqueado em Schaerbeek

Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor.

António Fernandes
Colaborador
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor.
Textos deste autor:

RECOMENDADOS PARA SI

Últimos Tweets

Candidatura de Rui Gomes da Silva às eleições do Benfica formalizada na Luz https://t.co/1aF5z3dRXo
Francisco Guerreiro recusa financiamento de atividades tauromáquicas pela PAC https://t.co/Hg6x5sNqDW
"É necessário assegurar a diversidade geográfica da abertura das mesas de voto", Pedro Rupio https://t.co/rZo1l8mTns
Follow Jornal das Comunidades on Twitter