Luso.eu | Jornal Notícias das Comunidades Portuguesas - Crónicas de uma Portuguesa em Paris - Passagens
quinta-feira, 22 fevereiro 2024

COMPETÊNCIA CÍVICA

Fev. 15, 2024 Hits:306 Crónicas

UNIVERSITAS

Fev. 14, 2024 Hits:232 Crónicas

CIDADÃO DECISOR

Fev. 10, 2024 Hits:196 Crónicas

Desconsideração políti…

Fev. 09, 2024 Hits:590 Opinião

Haja diferenças!

Fev. 07, 2024 Hits:274 Opinião

O Homem: um ser limitado

Fev. 06, 2024 Hits:230 Crónicas

O BANCO NOVO

Fev. 06, 2024 Hits:370 Crónicas

Entre a Esperança e a In…

Fev. 04, 2024 Hits:201 Opinião

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Fev. 04, 2024 Hits:324 Crónicas

«Tentar definir a minha …

Jan. 30, 2024 Hits:1447 Crónicas

Tudo na vida muda - até …

Jan. 28, 2024 Hits:282 Opinião

Crónicas de uma Portuguesa em Paris - Passagens





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor!


As passagens de ano simbolizam novo ciclo. A esperança de novos inícios e a ilusão que as vidas passadas sejam apagadas como giz num quadro de ardosia. Os primeiros tempos do novo ano gregoriano foram pontuados por várias ‘passagens de ano’.

No programa de passagem do ano civil ocidental estava a comemoração na avenida das luzes, a tremer de frio aquecida pela multidão ao redor, com a possibilidade de um beijo roubado a um qualquer desconhecido. O destino trocou-me as voltas e ofereceu-me um passar das 12 badaladas calmo e quente no aconchego do lar. 

O ano do coelho veio logo a seguir saltitando, expectante com mais um recomeço. Desta vez tive de bater o pé e fui pra rua comemorar! A sorrir com os dragões dançantes, a dar e receber papelinhos vermelhos rabiscados com símbolos ininteligíveis de bem-aventuranças, a oferecer incenso aos deuses e ouvir o estalar das pequenas explosões que afastam os maus espíritos. Da China pra Paris não faltou quase nada.

Pensava eu que não haveria mais possibilidade de recomeços ou mais desculpas para comemorar, quando percebi que o ano astrológico ia começar. Não sei bem o que isso quer dizer, mas deverá ser algo relacionado com as estrelas, o sol e mais a posição de carneiro algures nas pastagens interestelares.

No meio de tudo isto o meu ano recomeçou. Assim de repente quase sem contar, recomecei uma nova vida. Mudei novamente de país, de cidade, de trabalho. Mudei de rotinas. Atirei-me ao desconhecido na esperança de apagar o giz no quadro riscado. Mas sei que os riscos ficam e veem connosco para onde quer que nos transmutemos. São parte da beleza pintura.

Luso.eu - Jornal das comunidades
Patricia Pereira
Author: Patricia PereiraEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos



Luso.eu | Jornal Notícias das Comunidades
Partilhe o nosso conteúdo!

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

A nossa newsletter

Jornal das Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

Temos 317  pessoas que estão a ver esta página no momento, e 0 membros em linha

Top News Embaixada

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

News Fotografia

 
 
0
Partilhas
0
Partilhas