Sou Candidato pelo PSD, pelas nossas Comunidades na Europa e acima de tudo por Portugal

ID:N°/ Artigo: 4190
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Sou Candidato pelo PSD, pelas nossas Comunidades na Europa e acima de tudo por Portugal. Sou o Victor Alves Gomes, nasci em Paris em 1971. Filho de emigrantes do Minho, que foram para França a salto na década de 60, cresci entre Paris e a casa dos meus avós maternos na aldeia de Padreiro Santa Cristina, em Arcos de Valdevez.

Sou só Português, só tenho um coração e só tenho um passaporte. A minha mãe, depois de uma infância na aldeia entre a escola onde fez a quarta classe e o trabalho no campo, foi para Paris com o meu pai, onde trabalhou toda a vida como empregada de limpeza. Infelizmente, faleceu sem regressar a Portugal em vida. O meu pai foi para Lisboa com 14 anos e a salto para a Franca com 17. Trabalhou toda a vida nas obras.

É hoje mestre de obras reformado a viver entre Portugal e Paris. Eu sou formado em Línguas e Literaturas Modernas com uma pós-graduação em Estudos Europeus. Cumpri o serviço militar em Portugal, na EPI de Mafra e posteriormente no RIA de Abrantes. Trabalhei para a OIM (Organização Internacional para as Migrações) agora Agência das Nações Unidas para as Migrações, de 1994 a 1999, em Moçambique, Angola e Kosovo. Desde Julho 1999, trabalhei em vários departamentos da União Europeia, estando desde 2004 ao serviço da Comissão Europeia em Bruxelas. Sou membro de vários clubes e associações tanto em Portugal como na Bélgica. Ainda, sou Presidente da secção do PSD Bruxelas (Bélgica), país onde resido desde 2003.

Durante o meu mandato como Presidente da secção local, para além do trabalho de reforçar a secção e atrair novos membros, também nos empenhámos em trazer as MSD e a JSD para junto das comunidades. Recentemente fui reeleito com 91.6% dos votos. Vamos continuar a fazer da nossa secção uma das mais dinâmicas e produtivas do mundo, pelo PSD, mas sobretudo pelas nossas Comunidades e por Portugal.

Para além de visitas às comunidades na Bélgica, durante este período participei em visitas formais e informais ao Reino Unido, França, Holanda, Luxemburgo, Alemanha e Suíça. O facto de estar no coração da Europa dá-nos uma perspetiva europeia que desenvolvemos no seio da nossa secção, não sendo por isso de estranhar que tenhamos criado a única secção no exterior do CEN (Conselho Estratégico Nacional) em Bruxelas no domínio dos Assuntos Europeus.

Decidi aceitar o convite da direcção nacional do PSD na sequência da proposta unanime da secção, pois quero servir as nossas comunidades no Círculo Eleitoral Europa que vai de Vigo até Vladivostok na Rússia. Servir mais de 850.000 eleitores que residem nesse círculo e contribuir para fazer a ponte entre diferente gerações de emigrantes e Portugal, reforçar a presença do PSD no seio das nossas comunidades e contribuir para criar uma alternativa para o nosso Portugal são os meus objectivos. Caso seja eleito as minhas prioridades serão o apoio ao regresso da geração dos meus pais, o reforço do ensino da língua e cultura portuguesas no seio das comunidades e trabalhar em conjunto para termos uma diáspora mais unida e atuante no plano político, económico e social.

Não sou nem nunca serei um político profissional ou um profissional da política. Defendo a limitação de mandatos a 12 anos tal como os autárquicos, a politica e um serviço não uma carreira como dizia Sá Carneiro. Por isso decidi aceitar este desafio. Vamos em Frente. Portugal precisa de nós: nós Portugueses a residir em Portugal, e nós os Portugueses a residir no exterior.

Somos todos Portugueses de primeira, somos todos Portugueses de valor. Portugal precisa de levar as nossas Comunidades mesmo, mesmo a sério. Portugal precisa de si. Portugal precisa do Dr. Rui Rio a Primeiro Ministro. Nestas eleições, vote; de preferência no PSD, mas vote; quem vota decide, quem vota conta. Vamos em Frente. O Futuro Começa Hoje


RECOMENDADOS PARA SI

Eventos este Mês

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
5
6
12
13
19
20
26
27
31

Últimos Tweets

Em Tampere, Guise e Crespi d’Adda https://t.co/jshY0UH8R4
Filme EMPATE novamente em Bruxelas https://t.co/d8bOnlr326
A segunda vez de Portugal em Kiev https://t.co/yQS4DcNrEM
Follow Jornal das Comunidades on Twitter