Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

Bélgica revela medidas da terceira fase do desconfinamento

ID:N°/ Texto: 5405

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Reabertura de cafés, bares e restaurantes. Recomendação do regime de teletrabalho mantem-se. Ginásios podem reiniciar a sua atividade. A primeira-ministra Sophie Wilmès anunciou hoje as medidas da terceira fase de desconfinamento na Bélgica, válidas a partir de 8 de junho.

Durante a conferência de imprensa desta tarde, Wilmès elogiou a atitude da população em geral durante o confinamento. No entanto a primeira-ministra belga alertou que continua a ser importante usar o bom senso em todas as situações. “O vírus não desapareceu, e os riscos também não. Devemos permanecer vigilantes, apesar de muitos já estarem completamente cansados”, afirmou. 

A partir de 8 de junho:

Todas as atividades podem ser retomadas, desde que sem audiência. No entanto, durante este período, o governo belga recomenda que o teletrabalho seja privilegiado nas empresas.

Cafés, bares e restaurantes podem reabrir. Deve existir uma distância de 1,5m entre as mesas. Há uma limitação de 10 pessoas por mesa. Os pedidos devem ser feitos a partir da mesa. Os empregados devem utilizar máscara. Os estabelecimentos podem permanecer abertos até à 01:00 hora.

As lojas nocturnas também podem permanecer abertas até à 01:00 hora.

Em relação ao desporto, ginásios podem voltar a abrir, mas piscinas e centros de bem-estar devem permanecer fechados. Já as atividades desportivas, tanto amadoras como profissionais, podem ser retomadas, desde que não haja público.

Os serviços religiosos podem ser retomados desde que não exista contacto físico, existindo um limite máximo de 100 pessoas.

A partir de dia 8, será também possível viajar dentro da Bélgica, durante um ou mais dias. Já em relação a viagens para o estrangeiro, a partir do dia 15 junho voltará a ser possível viajar para determinados países dentro do espaço Schengen.

A partir de 1 de julho:

Todas as atividades culturais com público poderão ser realizadas. O governo belga recomenda o uso da máscara a todos os participantes de eventos culturais. Cinemas e teatros poderão reabrir.

Jogos desportivos poderão voltar a contar com público.

Os parques de diversões e salas de jogos poderão voltar a abrir as suas portas. Já as salas dedicadas a atividades festivas, como casamentos, poderão ser utilizadas desde que não ultrapasse um máximo de 50 pessoas.  

O número máximo de pessoas permitido num serviço religioso será aumentado para 200. A restrição em relação ao contacto físico mantém-se.

Ainda não há data de reabertura para os espaços de animação nocturna.

As próximas fases e medidas do desconfinamento serão reveladas em julho e agosto.

Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor.

Rúben Castro
Jornalista da luso.eu CC46 A
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor.

 Entre em contacto : Rúben Castro Perfil: Info

Nascido em 1990, no Funchal, estudou Ciências da Cultura na Universidade da Madeira e Jornalismo na FCSH/Universidade Nova de Lisboa. Neste momento vive em Bruxelas, onde colabora com vários órgãos de comunicação social. É um dos 55 Embaixadores da Juventude da ONE na Bélgica, uma ONG focada no combate à pobreza extrema e às desigualdades.

Textos deste autor:

RECOMENDADOS PARA SI

Últimos Tweets

28.500 professores colocados na primeira quinzena de agosto https://t.co/2tdDUYZfXl
Avante!: PCP reduz lotação a um terço, para cerca de 33 mil pessoas https://t.co/P3LiHU3Hk8
Português morto à facada em Mons https://t.co/mZyPJUx8dG
Follow Jornal das Comunidades on Twitter