domingo, 27 novembro 2022

DEPOIS DO EUROMILHÕES

Nov. 27, 2022 Hits:90 Crónicas

PORTUGAL É RONALDO E RON…

Nov. 24, 2022 Hits:259 Opinião

Crónica triste para um d…

Nov. 20, 2022 Hits:137 Opinião

Em Ocasiões Especiais

Nov. 20, 2022 Hits:510 Crónicas

Os sonhos adiados

Nov. 19, 2022 Hits:205 Crónicas

IXELLES – UMA VILA DESO…

Nov. 15, 2022 Hits:220 Opinião

CRIANÇA PRESA NO PENICO

Nov. 13, 2022 Hits:459 Crónicas

Duas tardes em Coja

Nov. 13, 2022 Hits:789 Apontamentos

Esta vida de hipster

Nov. 08, 2022 Hits:125 Crónicas

Ladroagem Eleitoral

Nov. 06, 2022 Hits:334 Opinião

O “Auto Suicídio” de…

Nov. 04, 2022 Hits:337 Opinião

Legislativas: Eduardo Cabrita não vai ser candidato a deputado nas próximas eleições





A sua generosidade permite a publicação diária de notícias, artigos de opinião, crónicas e informação do interesse das comunidades portuguesas.


O ex-ministro da Administração Interna Eduardo Cabrita confirmou hoje à agência Lusa que comunicou já à federação de Setúbal do PS que não tenciona ser novamente candidato a deputado nas próximas eleições legislativas.

Esta notícia foi avançada pelo jornal Público, na qual se adianta que Eduardo Cabrita, que se demitiu na sexta-feira do cargo de ministro da Administração Interna, já tinha transmitido essa decisão a António Mendonça Mendes, líder da Federação de Setúbal do PS, círculo pelo qual tem sido candidato a deputado desde 2002.

Eduardo Cabrita pediu a sua demissão do Governo, depois de ter sido conhecida a acusação de homicídio por negligência ao motorista do seu carro oficial, pelo atropelamento de um trabalhador em 18 de junho na autoestrada A6.

Quando anunciou a sua demissão, Eduardo Cabrita alegou que não podia permitir que este caso tivesse um “aproveitamento político absolutamente intolerável”, visando penalizar o Governo, o primeiro-ministro, António Costa, e o PS.

Eduardo Cabrita, de 60 anos, natural do Barreiro, é licenciado pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e, desde os seus tempos da Juventude Socialista (JS), é considerado politicamente próximo do atual secretário-geral socialista, António Costa.

No começo do primeiro executivo liderado por António Costa, em novembro de 2015, Eduardo Cabrita começou por desempenhar as funções de ministro Adjunto, tendo depois assumido a pasta da Administração Interna em 18 de outubro de 2017 na sequência das tragédias dos incêndios florestais desse verão, substituindo Constança Urbano de Sousa, atual vice-presidente da bancada socialista.

Luso.eu - Jornal das comunidades
Redacção
Author: RedacçãoEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicione o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

Temos 1004  pessoas que estão a ver esta página no momento, e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

News Fotografia