sexta-feira, 27 janeiro 2023

Isto não é um país É …

Jan. 20, 2023 Hits:265 Opinião

Epistocracia - O óptimo …

Jan. 15, 2023 Hits:988 Opinião

No Palácio do Raio

Jan. 15, 2023 Hits:400 Apontamentos

Távora- Varosa

Jan. 13, 2023 Hits:142 Crónicas

MAESTRO

Jan. 13, 2023 Hits:177 Crónicas

Braga de traço recente

Jan. 11, 2023 Hits:905 Apontamentos

Reforma Lei Eleitoral - M…

Jan. 11, 2023 Hits:165 Opinião

Racionalidade Politicamen…

Jan. 09, 2023 Hits:194 Opinião

A caminho de Salir

Jan. 08, 2023 Hits:1009 Crónicas

NO DEALBAR DE UM NOVO ANO

Jan. 08, 2023 Hits:385 Crónicas

Os jovens que um dia se tornarão os adultos de Portugal, da Europa e dos restantes países analisados foram comparados com a média dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), conforme publicação do Banco de Portugal.

A necessidade de saber lidar com o dinheiro, evita consumos e gastos desnecessários, compra de futilidades e sensibiliza os jovens para a poupança. Proporciona ainda a capacidade de amealhar desde cedo, para constituir uma poupança a longo prazo.

Quanto à poupança, a ideia do mealheiro é uma forma práctica de juntar dinheiro, a médio prazo (1 a 5 anos). Porque se for a curto prazo poderá não juntar dinheiro suficiente. Se juntar dinheiro num mealheiro a longo prazo, poderá estar a perder oportunidades de investimento mais rentáveis. O dinheiro no mealheiro também se deprecia face à inflação.

Nesse sentido, os dados do Programme for International Student Assessment PISA 2018 indicam que os estudantes portugueses de 15 anos têm um nível médio de literacia financeira próximo do verificado nos EUA e em Espanha, superior ao de Itália, mas inferior ao da Estónia e Finlândia.

Em Portugal, as regiões autónomas dos Açores e da Madeira e o Alentejo são os territórios com menores níveis de literacia financeira.
Os estudantes que repetiram um ano lectivo apresentam-se em desvantagem face aos restantes. Existe uma forte interligação entre a literacia financeira e as capacidades numéricas e de leitura.
São igualmente de destacar as diferenças existentes consoante o estatuto de imigrante, o número de livros em casa (medida indireta dos recursos disponíveis em casa, do contexto socioeconómico da família e do tipo de parentalidade), a educação dos pais e o género.
Entre os países analisados, Portugal surge em 6º lugar na percentagem de estudantes que possuem capacidades financeiras básicas (86%) e em 7º lugar no indicador global de literacia financeira (com 505 pontos), o que o coloca em linha com a média dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), conforme reportado pelo Banco de Portugal.
O autor produziu este artigo, da sua responsabilidade, para os leitores do jornal online LUSO.EU
. Escreve de acordo com as regras ortográficas anteriores ao Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990.
Luso.eu - Jornal das comunidades
Joao Pires
Author: Joao PiresEmail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicione o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

TEMOS NO SITE

Temos 425  pessoas que estão a ver esta página no momento, e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

News Fotografia