Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
quarta-feira, 23 junho 2021

Covid-19: Agora é preciso fazer aplicar o certificado em muitos países – Marcelo



(Lusa) - O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, saudou hoje a "luz verde" do Parlamento Europeu à adoção de um certificado digital covid-19, mas considerou que agora é preciso fazer com que seja aplicado em muitos países.

Questionado pelos jornalistas, no Funchal, sobre a aprovação de uma certificação digital para a circulação dos cidadãos europeus vacinados contra a covid-19, recuperados de infeção ou testados, Marcelo Rebelo de Sousa respondeu: "É muito boa notícia. O Parlamento Europeu deu luz verde".

"Agora temos de fazer o trabalho que falta, que é fazê-la ser aplicada pelo maior número de países. Vale a pena se houver muitos europeus de muitos países a circularem. Portanto, quanto maior for o número de países a aderirem, a aplicarem, a partir de dia 01 de julho, melhor", acrescentou.

O chefe de Estado defendeu que "as leis podem ser muito boas ou menos boas, o que interessa é a aplicação".

O Parlamento Europeu aprovou na terça-feira a adoção de um certificado digital covid-19, que permitirá aos cidadãos comunitários já vacinados, recuperados de infeção com o novo coronavírus ou com teste negativo viajar sem restrições dentro da União Europeia a partir de 01 de julho.

O resultado da votação realizada na terça-feira em Estrasburgo só foi divulgado hoje de manhã, devido à contagem dos votos à distância. Esta medida foi aprovada com 546 votos a favor, 93 contra e 51 abstenções.

Em meados de maio, os negociadores da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia e do Parlamento Europeu chegaram a um acordo político sobre este certificado, proposto pela Comissão Europeia em março passado.

A aprovação pelo Parlamento Europeu do texto do compromisso que enquadra juridicamente esta medida abre caminho à sua entrada em vigor, como previsto, em 01 de julho, com uma duração de 12 meses.

Concebido para facilitar o regresso à livre circulação dentro da União Europeia e apoiar o setor do turismo, este "livre-trânsito", que deverá ser gratuito, funcionará de forma semelhante a um cartão de embarque para viagens, em formato digital e em papel, com um código para ser lido por dispositivos eletrónicos, na língua nacional do cidadão e em inglês.

Na terça-feira, a Comissão Europeia instou os Estados-membros da União Europeia a começarem já a emitir certificados comprovativos de vacinação, recuperação e testagem à covid-19, visando evitar "grandes bloqueios" no arranque oficial do documento digital ao nível comunitário.

Luso.eu - Jornal das comunidades
Redacção
Author: Redacção
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 270 visitantes e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Se você viu, o seu cliente também verá!