Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
sábado, 06 março 2021

Cultura Europeia em Coimbra - Coimbra é uma lição!



No passado dia 1 de janeiro, Portugal assumiu a Presidência do Conselho da União Europeia, sob o lema: Tempo de agir: por uma recuperação justa, verde e digital.

Portugal, no exercício da Presidência Europeia, tem como prioridades promover a recuperação económica através da transição verde e digital, concretizar o pilar Europeu dos Direitos Sociais e reforçar a autonomia da Europa aberta ao mundo.

Coimbra diz presente à Europa! Coimbra diz presente à Cultura!

Coimbra está a preparar a sua candidatura a Capital Europeia da Cultura 2027, sob o lema Correntes de Mudança. A Mudança está inscrita no ADN da Cidade e da sua Universidade com 730 anos de história. Os jovens que escolhem a Universidade de Coimbra para estudar e a Cidade para viver, quando terminam os seus cursos e partem para qualquer parte do Mundo, da Europa ou do País, transportam consigo os valores, a sabedoria e a vivência inigualável da vida académica Coimbrã, porque Coimbra é uma lição de sonho e tradição; o lente é uma canção e a lua a faculdade; o livro é uma mulher; só passa quem souber, e aprende-se a dizer saudade!

Neste tempo de pandemia, a Câmara Municipal de Coimbra e o grupo de trabalho responsável pela preparação da Candidatura a Capital Europeia da Cultura 2027, organizaram um programa cultural para o semestre Europeu sob o lema A Europa em Coimbra 2021. O objetivo é dar voz a cada um dos Estados membros através da sua expressão cultural.

O programa inclui diversas expressões culturais, nomeadamente fado, guitarra Flamenca, dança Belga e Luxemburguesa, teatro Alemão, sonoridades Lituanas, reportório Austríaco, jazz Polaco, folk Búlgaro, cinema da Estónia, música Croata, circo Sueco, vozes da República Checa, marionetas da Letónia e Eslováquia, acordeão Finlandês, mitologia Grega, bouzouki Irlandês, saxofone Italiano, bandas dos Países Baixos, música contemporânea Dinamarquesa e música popular Cipriota, Eslovena e Maltesa.

No que concerne à música erudita é de salientar o Réquiem por un vivo do compositor José Pablo Serrano, a apresentação da 9.ª Sinfonia de Beethoven pela Orquestra Clássica do Centro, os concertos para piano e orquestra em homenagem à Roménia e a Orquestra da Gulbenkian para interpretar música Húngara.

Nos próximos seis meses Coimbra será a montra da cultura dos Estados da União Europeia.

Coimbra é uma lição!

Luso.eu - Jornal das comunidades
Paula Maria Rodrigues Mariano Pêgo
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicionar o seu comentário aqui!

TEMOS NO SITE

Temos 505 visitantes e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Não existem eventos no calendário
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

News Fotografia

Se você viu, o seu cliente também verá!