Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
domingo, 28 novembro 2021

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

Empresa portuguesa lidera projeto estatístico europeu sobre setor cultural da UE



O luso.eu Jornal das comunidades é gratuito mas quero ajudar!

(Lusa) - A empresa portuguesa Qmetrics vai liderar um projeto europeu, de estatística, para ajudar a medir o impacto dos setores cultural e criativo na União Europeia (UE), foi hoje anunciado.

O projeto piloto intitula-se "Medindo os Setores Cultural e Criativo", contará com 350 mil euros de apoio comunitário, e tem como objetivo criar um enquadramento estatístico que permita, posteriormente, à União Europeia, medir o potencial e o impacto social e económico destas indústrias.

Na página oficial, a Comissão Europeia recorda que o Eurostat - o gabinete de estatísticas da UE - tem produzido "extensas bases de dados" sobre Cultura no espaço europeu, mas necessita de um reforço de informação, face, até, à evolução do próprio setor das indústrias criativas e tendo em conta o recente contexto da pandemia da covid-19.

"Ainda estão em falta dados para alguns indicadores específicos e para alguns setores [das artes e da cultura] e nem todos os dados disponíveis em cada Estado-membro são reportados ao Eurostat", refere a Comissão Europeia.

É lembrado ainda que "os últimos vinte anos testemunharam enormes alterações tecnológicas com impacto do setor cultural e criativo", nomeadamente com o desenvolvimento do digital, do crescimento de áreas como a dos vídeojogos e da realidade vitual, e a entrada no mercado "de grandes plataformas multinacionais".

Por isso, foi criado este projeto piloto, a dois anos, cujo consórcio internacional de execução é liderado pela empresa portuguesa Qmetrics, e que conta ainda com a participação da plataforma portuguesa independente de media Gerador, assim como com as empresas estrangeiras Fundación Alternativas, Cumediae e everis.

Criada em 2000, a consultora Qmetrics especializou-se em análise e gestão de informação, em particular sobre qualidade de serviços e satisfação de cliente, tendo já trabalhado com empresas nas áreas de saúde, banca, telecomunicações e retalho.

Em comunicado, a Qmetrics e a Gerador explicam que "o consórcio fará uma extensa análise da informação disponível a nível internacional, contactando todos os países da União Europeia, com o objetivo final de propor novas formas de avaliação e preencher qualquer lacuna que possa existir entre os dados atuais desses setores".

"As principais entidades culturais de cada país, como os Ministérios da Cultura, e as instituições responsáveis pela análise estatística, como os Institutos Nacionais de Estatística de todos os membros da União Europeia, serão chamados a intervir na concretização deste projeto", referiram.

Segundo a Comissão Europeia, os dados mais recentes, de 2016, indicam que as indústrias criativas e culturais do espaço europeu empregam mais de 12 milhões de pessoas e geram 509 mil milhões de euros de valor acrescentado na economia, em particular "com o contributo de micro e pequenas empresas".


Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 220 visitantes e 0 membros em linha

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

News Fotografia